Opiniões

Camelôs: CDL se impõe à Prefeitura

A CDL fez a Prefeitura recuar. Em entrevista agora há pouco, por telefone, à jornalista Simone Fraga, o chefe do departamento municipal de Postura, capitão Francisco Balbi — ausente do Folha no Ar de hoje — anunciou o recuo do governo Rosinha sobre a remoção dos camelôs. Acordado em reunião no MP, na última sexta, o dia 28 de dezembro permanecerá como data limite para liberação das calçadas do Centro aos pedestres, não dia do início da operação de retirada, como os ambulantes chegaram a impor ontem, ao passivo secretário de Governo Roberto Henriques.

Parabéns ao Joilson Barcelos, presidente da CDL, pela defesa firme não só dos interesses dos lojistas, mas pelo direito de todos poderem transitar livremente pelas calçadas da sua cidade.

Hoje! E amanhã?

Nas lentes de Marcio Mercante (Agência O Dia) e de Márcia Feitosa (Vipcomm), as caras de hoje no último treino para a rodada de amanhã. E na reapresentação dos jogos, como estarão?
Nas lentes de Marcio Mercante (Agência O Dia) e de Márcia Feitosa (Vipcomm), as caras de hoje no último treino para a rodada de amanhã. E na reapresentação dos jogos, como estarão?

 

As fotos dos treinos de hoje de Botafogo e Flamengo, focalizadas nos atacantes André Lima e Adriano, revelam bem a diferença no clima ora vigente nos adversários do último domingo: o Rubro-negro briga para assegurar a vaga no G-4 e pelo sonho do título, enquanto o time da Estrela Solitária tenta encontrar forças para ficar onde está: na primeira divisão do Brasileirão.

Todavia, a obrigação de vencer pode dificultar as coisas para o Fla, amanhã, às 21h50, contra o Barueri, na casa do adversário. Afinal, bom lembrar que, em 12º lugar na tabela (41 pontos), o time do interior paulista cumpre campanha bastante razoável para quem subiu este ano. Ademais, sem Pet — suspenso pelo terceiro cartão amarelo — as coisas tendem a se tornar ainda mais difíceis. Não por seu substituto de posição, um recuado Zé Roberto, que embora não tenha a classe do sérvio, também atravessa boa fase. Mas quando se pensa que a opção no ataque, ao lado do Imperador, se divide entre Gil e Dênis Marques, inevitável o frio correndo na espinha.

Um pouco mais cedo, às 19h30, o Botafogo faz um jogo de desesperados contra o Náutico. O primeiro, na zona de rebaixamento, está em 18º, com 32 pontos, os mesmos até agora conquistados pelo time pernambucano, que só está em 19º pelo critério desempate do maior número de vitórias.

Agora, imaginem como estarão as caras na reapresentação dos jogos de amanhã, caso o Flamengo empate, ou pior, perca para o Barueri — dando adeus às chances do título —, e o Botafogo baile ao seu favor a dança das cadeiras com o Náutico, na ponta sul da tabela.

É esperar para ver…

Firmino amanhã em SJB, enquanto a chuva não vem…

Depois do anúncio de ontem, feito pelo líder do PT na Alerj, deputado Rodrigo Neves, e da vereadora do partido, Odisséia Carvalho, de mais R$ 100 milhões para obras na rede de canais, numa segunda etapa do PAC em 2010, amanhã será a vez de saber o que o governo do Estado anda fazendo para evitar uma nova tragédia que se anuncia sobre Campos e região desde o verão passado.

O presidente do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Luiz Firmino Martins Pereira, tem chegada prevista em São João da Barra, às 14h de amanhã. Ele tem econtro marcado com a prefeita Carla Machado (PMDB), para definir prioridades nas obras emergenciais na rede de canais, principal via de escape da água acumulada pelas chuvas do verão que se avizinha.

Quem não cobrar agora, depois não tem direito de chorar pelo leite, ou melhor, pela água derramada.

Camelôs até 28 de dezembro, Camelódromo até 27 de janeiro

Entre Rodrigo Gonçalves e João Noronha, Joilson Barcelos garantiu que vai brigar por liberação das calçadas do Centro ATÉ o dia 28 de dezembro (foto de Antonio Cruz)
Entre Rodrigo Gonçalves e João Noronha, Joilson Barcelos garantiu que vai brigar por liberação das calçadas do Centro ATÉ o dia 28 de dezembro (foto de Antonio Cruz)

 

Segundo revelou agora há pouco o presidente da CDL, Joilson Barcelos, o acordo firmado entre sua entidade, o departamento municipal de Postura e o Ministério Público (MP), em reunião na última sexta, dia 23, no acordo firmado os camelôs devolveriam as calçadas aos pedestres até o dia 28 de dezembro, não após ele. Além do teto da mudança ter se transformado em início da remoção, como os ambulantes impuseram a inversão diante de um governo municipal passivo, nada garante que, passado o Natal e Reveillón, os camelôs não se sintam novamente no direito de fazer o que bem entendem, atitude que vêm mantendo desde a administração Mocaiber.

Como a reunião no MP se deu a patir de uma ação da CDL pela retirada do comércio ilegal e liberação das calçadas, Joilson disse que, ao contrário da Prefeitura, não ficará passivo, recorrendo à Postura, para que se cumpra o prazo definido.

Apesar do capitão Francisco Balbi, chefe da Postura, não ter comparecido ao Folha no Ar, quem também esteve hoje no programa foi o presidente da Codemca, Jivago Faria. Frisando que a responsabilidade da fiscalização é da Postura, ele se ateve a garantir a organização dos camelôs, quando finalmente forem removidos, no espaço já exíguo entre o Shopping Popular e o Mercado Municipal. Sobre o novo Camelódromo, prometido no programa de governo de Rosinha, Jivago garantiu que, dentro de três meses, o projeto será finalmente apresentado.

Com certeza, os dias 28 de dezembro e 27 de janeiro ficarão marcados na agenda do blog e do Folha no Ar.

 

Sob o click de Antonio Cruz (Folha da Manhã), o presidente da Codemca, Jivago Faria, garantiu que o projeto para o novo Camelódromo, promessa de campanha de Rosinha, será apresentado até o final de janeiro
Sob o click de Antonio Cruz (Folha da Manhã), o presidente da Codemca, Jivago Faria, garantiu que o projeto para o novo Camelódromo, promessa de campanha de Rosinha, será apresentado até o final de janeiro

Camelôs no Folha no Ar

Daqui a pouco, no Folha no Ar, os presidentes da CDL e Codemca, respectivamente Joilson Barcelos e Jivago Faria, serão entrevistados pelos jornalistas e blogueiros Rodrigo Gonçalves (titular do programa) e João Noronha. Na pauta, a polêmica questão dos camelôs, que ontem ganharam um verdadeiro presente de Papai Noel: vão poder continuar a ocupação das calçadas do Centro até 28 de dezembro, prazo imposto por eles ao governo Rosinha para concorrer com o comércio legalizado pelas vendas de Natal.

Representante dos lojistas, Joilson é contra e denuncia que não foi esse o combinado com a administração municipal. A Jivago caberá defender a leniência da Prefeitura, bem como responder quando finalmente será cumprida uma das tantas promessas do projeto de governo de Rosinha: construir um novo Camelódromo. O programa vai ao ar às 16h, com transmissão ao vivo pela Plena TV, TV Litoral, Rádio Continental e Folha Online.

Fechar Menu