Opiniões

Operação da PF por compra de voto em Campos e outros municípios

A Polícia Federal e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) desencadearam no início da manhã de hoje  uma operação para recolher provas e produtos resultantes de crimes como captação de voto ilegal, fraude eleitoral, fraude em licitação, formação de quadrilha e peculato (quando o servidor público se apropria de bens em função do cargo). Os investigados são, dentre outros, vereadores e prefeitos. A ação acontece em Campos, Araruama, Silva Jardim e Casimiro de Abreu.

A Operação Arreica, como foi batizada, conta com 133 policiais para cumprir 34 mandados de busca e apreensão. Entre os alvos da investigação estão vereadores e prefeitos que ainda não tiveram suas cidades reveladas para não comprometer a ação. Até o momento não há informações sobre apreensões ou prisões. Dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Guarus. Outros seis mandados foram expedidos sendo  dois em Casimiro de Abreu, e quatro em Araruama. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.


Publicado aqui, na Folha Online.

Atualização às 19h59: Aqui, desde 7h57, portanto 1h28 antes da Folha Online, o portal G1 já havia noticiado a operação, sendo linkado aqui, pelo político e atento blogueiro Sérgio Mendes, em seu “Estou procurando o que fazer”, primeio a repercutir a notícia na blogosfera goitacá.

Este post tem 3 comentários

  1. “Debaixo deste angu tem carne!”

  2. quando esses homens pisam em solo campista MUITA GENTE perde a fome, a sede, o sono, a vontade de “roubar” e promete a si mesmo que de hoje em diante, não roubarei mais.

    Infelizmente eles não ficam. E quando vão, levam poucos nos carros e nos aviões.
    E precisam de provas físicas porque as visiveis a olho nu, NÃO BASTAM.
    Falta agora o Ministerio Público, exigir prazos e execução das obras faraônicas do municipio.
    Pena que não foi dessa vez.
    Eles foram em Venda Nova e Conselheiro Josino?

    Sinto muito por mim.Isso mesmo. Não voto nessa corja de procurados pela policia, mas pago pelo erro dos outros.

  3. Quando penso, logo existo. É asim:
    Em São Paulo, Russomano estava na frente, Serra estava lá atras, agora já está havendo um empate no 2º e 3º lugar. Russomano despencou.

Deixe uma resposta

Fechar Menu