Campos dos Goytacazes,  28/06/2017

 

por Aluysio Abreu Barbosa

Marcelo Amoy – A saída é por ali! (?)

 

Mal enterramos os ossos da ceia de réveillon e fevereiro já se anuncia com recomeços de colocar os do ano novo no bolso e que ameaçam nos deixar de ressaca. Se a modernidade é líquida, os sustos no Brasil são sólidos e as expectativas, tantas vezes… se dissipam no ar como um avião → : Leia mais

Fabio Bottrel – O Espinho da Rosa

“Como afirmou Lévi-Strauss, o encontro dos sexos é o terreno em que a natureza e cultura se deparam um com o outro pela primeira vez.” Ao ler esse pensamento no livro Amor Líquido – Sobre a fragilidade das relações humanas, de ZygmuntBauman, unindo às palavras do autor no vídeo acima, foi inevitável a reflexão: → : Leia mais

Guilerme Carvalhal – Vergonha

 

Andando pela estrada de ladrilhos coberta pelo acúmulo de areia dos anos sem uso sedimentando um assoalho compactado e liso, o guia explicou: “Por aqui saíram correndo em fuga. Pegaram os objetos mais simples e hábeis, as roupas, e partiram sem nenhuma plano. Evadiram e seus pertences de ouro, suas máquinas caras e → : Leia mais

Claudio Kezen – O Império dos Ressentidos

 

Vivemos tempos estranhos. A grande mídia diariamente nos enfia goela abaixo, e em doses cavalares, os preceitos e dogmas da nova religião única ocidental: o Politicamente Correto. Ai de quem, por desejo de independência intelectual e cultural, desafinar do coro dos fiéis. Será apontado nas ruas e marcado pela nova inquisição globalista (não confundir → : Leia mais

Carol Poesia – Inquérito Poético (parte 1)

 

Inspetora – Senhor Adalberto, o senhor pode me dizer o seu nome todo? Suspeito – Adalberto Lemos da Costa Carvalho. Inspetora – Lemos da Costa Carvalho… O senhor tem três sobrenomes, seu Adalberto? Suspeito – Tenho. Inspetora – E por quê? Suspeito – Porque os meus pais quiseram assim. Inspetora – Os seus → : Leia mais

Fernando Leite – O barqueiro fidelense e o Fórum de Davos

“Enquanto houver um oprimido no mundo, haverá o socialismo” (Oscar Niemeyer) O seu nome é José. É negro, está com 37 anos e sua compleição física me autoriza a imaginar que sua ancestralidade é da etnia bantu:alto, pernas longilíneas, magro, nação soberana na África subsaariana, até a chegada dos mercadores de escravos. Mas, ele → : Leia mais

Vanessa Henriques – Ex-alunos se mobilizam para salvar a Uenf: patrimônio de Campos e do Norte Fluminense

Hoje utilizarei este espaço para chamar a atenção para a lamentável situação em que se encontra a Universidade Estadual do Norte Fluminense, a nossa Uenf. Fundada em 1993, a Uenf constituiu-se como uma grande conquista para a cidade de Campos dos Goytacazes e para a região do Norte Fluminense, como um todo. A criação → : Leia mais

Manuela Cordeiro – Freedom fries: a liberdade fast food das redes sociais

Quis sair da zona de conforto poética e também acadêmica para escrever uma pretensa crônica abordando assuntos pertinentes no momento. Há apenas um dia de assumir o governo da maior potência mundial, assistimos com uma boa dose incredulidade Donald Trump se tornar presidente dos Estados Unidos. Mais uma das barbáries que procuramos (re)significar nesses → : Leia mais

Ricardo André Vasconcelos — A noite em que acudi o Dr. Ulysses em Guarus

 

Ulysses e o mar de Angra, na última sessão de fotos, em 09/10/1992 (Foto: Fernando Maia – Ag. O Globo )

 

 

O ano de 1989 foi o que se pode rotular, sem exagero, de “espetacular”. Praticamente tudo era novidade na Planície Goitacá, desde um prefeito recém-empossado aos 28 anos até a → : Leia mais

Ocinei Trindade — Ditaduras, imbecilidades, motins e matanças

 

 

 

Desprezo ditadores. A tirania talvez funcione no cinema ou na literatura para efeito de narrativa ou reflexão, mas na vida cotidiana, não. Não dá para ser feliz sob jugo. Desconfio de quem despreza a História e os fatos. Os militares? São úteis. Os sacerdotes religiosos? Também são. Os criminosos? Ameaças constantes → : Leia mais