Campos dos Goytacazes,  20/11/2017

 

por Aluysio Abreu Barbosa

“Homem-bomba” de Rosinha flagrado em protesto de lotadas que parou Campos

 

Com o fogo ateado na subida da ponte Alair Ferreira, o ex-vereador Albertinho (à esquerda, de camisa verde) filma com celular e tem livre trânsito entre os manifestantes que hostilizaram a equipe da Folha (Foto: Folha da Manhã)

 

 

Enquanto filma com celular, Albertinho parece interagir com motoristas de lotada que voltaram a impedir o direito de ir e vir dos campistas (Foto: Folha da Manhã)

 

 

Em outra curiosa coincidência, os motoristas de lotada que protestaram hoje contra a fiscalização do transporte ilegal queimaram pneus e galhos para fechar as vias de acesso dos campistas, exatamente como nas manifestações contra as duas cassações da então prefeita Rosinha Garotinho (Foto: Folha da Manhã)

 

 

Resultado prático do protesto de hoje das lotadas contra a fiscalização: BR 101 completamente engarrafada até a primeira passarela do trecho Campos/Vitória (Foto: Folha da Manhã)

 

 

Por volta das 11h da manhã de hoje, até o início da tarde, mais um protesto de motoristas de lotadas, na subida da ponte Alair Ferreira, engarrafou o trânsito de Campos e atentou contra o direito de ir e vir da população. Contra a fiscalização do poder público municipal sobre o transporte ilegal de passageiros, cerca de 100 manifestantes atearam fogo em pneus e galhos na subida da ponte, do lado de Guarus, na rua Lindolfo Braga. O congestionamento de veículos se estendeu também à ponte General Dutra, até, aproximadamente, a primeira passarela da BR 101, no trecho Campos/Vitória.

Além de provocarem um nó no trânsito, os motoristas de lotadas hostilizaram verbalmente a equipe de reportagem da Folha que foi ao local.  Um manifestante chegou a dar um empurrão no repórter-fotógrafico, enquanto outro tentou impedir a filmagem do protesto, com a mão sobre o celular do repórter. Os agressores tiveram que ser contidos pelos policiais militares que estavam acompanhando a manifestação, além de alguns dos próprios manifestantes, que advertiram os colegas: “a imprensa é livre”.

A hostilidade com a equipe da Folha foi uma represália às críticas que o jornal fez (aqui) na coluna “Ponto Final” do último dia 22, depois que os motoristas de lotadas terem fechado (aqui) no dia anterior (21) três das principais vias da cidade: 15 de Novembro, 28 de Março e Beira Valão. Naquela ocasião, o protesto foi contra uma operação do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), com apoio da PM e da Guarda Civil Municipal, que fiscalizou carros e motoristas sem documentação, além do transporte ilegal de passageiros.

Sobre aquelas manifestações do dia 21, o “Ponto Final” bateu forte ao registrar uma estranha coincidência: “Pior do que a agressão de uma minoria ilegal a toda uma cidade, só a canalha apeada do poder que usou as redes sociais para comemorar esses atos de vandalismo”. Pois apenas uma semana depois, em outra estranha coincidência, quem foi flagrado hoje pelas filmagens da Folha, fazendo as suas próprias e aparentemente integrado à manifestação, foi o ex-vereador Albertinho (PMB), que ficou conhecido como “homem-bomba” do governo Rosinha Garotinho (PR).

Em outra curiosa coincidência, no mesmo dia 21 de julho daquelas três manifestações dos motoristas de lotadas, que deram um nó no trânsito de toda a cidade, Albertinho foi condenado a oito anos de inelegibilidade na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije), advinda da operação Chequinho, que investigou a troca de Cheque Cidadão por voto, na eleição municipal de 2016. Derrotado nas urnas e na Justiça, o “homem-bomba” de Rosinha hoje parou de filmar e sumiu entre os manifestantes, depois de perceber ter sido flagrado pela equipe da Folha em meio aos motoristas de lotada que voltaram a interferir no direito de ir e vir da população.

Na dúvida, confira no vídeo abaixo o livre trânsito do Albertinho entre os motoristas de lotada que hostilizaram a equipe da Folha depois de mais uma vez interromperem, impunemente, o trânsito de veículos em Campos:

 

 

 

 

“Tiro pela culatra” — Aqui, em seu blog hospedado no Folha 1, o jornalista Esdras Pereira registrou ontem o que chamou de “tiro pela culatra” do ex-vereador Albertinho. Na última terça-feira (25), o político garotista publicou (aqui) em seu perfil no Facebook o vídeo de um paciente sendo transportado pelas escadas no Hospital Ferreira Machado (HFM), atribuindo a cena ao atual governo municipal. Na verdade, como Esdras revelou, o vídeo foi postado (aqui) no YouTube desde 14 de outubro de 2016, em pleno governo Rosinha Garotinho.

 

Confira a cobertura completa na edição de amanhã (29) da Folha da Manhã

 

Compartilhe:
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites
  • PDF
  • Technorati

9 comments to “Homem-bomba” de Rosinha flagrado em protesto de lotadas que parou Campos

  • cricio manhaes pinto

    QUEM TEM FAZER FISCALIZAÇÃO E TOMAR PROVIDÊNCIAS NECESSÁRIAS SERIAM OS MILITARES ;GUARDA-MUNICIPAL E AONDE ESTAVAM A MAIORIA?????

  • Maciel

    Se teve alguém do governo anterior foi para se aproveitar, não vamos generarilizar e fazer esse tipo de matéria. A manifestação foi feita devidos a perseguição com as Vans nos últimos dias. O transporte coletivo tem motorista que nem curso de passageiros tem, ônibus com placa de fora de Campos, ônibus com idade vencida, porque será essa perseguição com as Vans legalizadas.

  • Claudio

    Tem q acabar mesmo, ou legalizam e andam corretos ou acabam, motoristas mal educados, sem postura, falando no celular enquanto dirigem, alguns trafegam com a porta aberta, super lotadas, a maioria em péssimas condições.

  • Claudio

    Nao tem a desculpa q esta trabalhando nao, tem q trabalhar dentro da lei.

  • Savio

    Ora, e qual a novidade? O que tinha e ainda tem de político anarquista, não está no gibi! E é por causa destes irresponsáveis que o município encontra-se praticamente falido. E aquele que gosta de depredar aeroportos? Esses canalhas deviam ir presos por causar estrago ao patrimônio tanto público quanto privado, é a turma nefasta do “quanto pior, melhor”.

  • César

    Infelizmente uma cambada de desocupados que alegam, estar trabalhando, vão as ruas fazerem o que chamam de manifestação, atrapalhando a vida de muitos que precisam e realmente estão trabalhando e tem horários para cumprir! Eles não estão nem aí só pensam e querem chamar a atenção para si próprios! Por que não fazem na frente da casa do prefeito ou na prefeitura ou na frente da casa do político safado que elegerem! Pois político jamais representou ou irá representar o povo eles só pensam em si e representam seus próprios interesses!!

  • Geovani

    Os motoristas de vans tem que terem mais respeito com a população, bagunça o trânsito na cidade, não respeitam as sinalizações, pedestres. Ditam o ritmo do trânsito ao seunmodo, ou muito devagar ou bastante acelerado. Tem que ter mais respeito.

  • Marcos Paulo

    Como eu sempre resumo… O rafael entrou, ja esta acabando o setimo mes e ainda sinto cheiro podre de garotinho na cidade… O rafael, assim como todos os politicos, fazem campanha para os pobres e governam para os ricos… Transporte publico em Campos é pessimo e transito caotico… eee Campos…

  • Eu nao sou contra o transporte alternativo nao, o que nao pode e continuar da maneira que ele e feito hoje em Campos.Hoje tem pessoas que tem mais de 10 vans circulando em diversos bairros e distritos da cidade, e as autoridades sabem mas nada faz para coibir esses poderosos.As vans nao carrega estudantes, idosos as vezes sim deficientes.Outro absurdo elas deveriam ser mas fiscalizadas, cumprindo horarios alternados dos onibus que fazem a linha.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>