Opiniões

Alexandre Buchaul — Espelho, espelho meu…

 

 

 

“Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro. Quando se olha muito tempo para um abismo, o abismo olha para você.” Friedrich Nietzsche.

Observamos com tristeza nossos heróis, quando num olhar mais aproximado, quando expostos ao teste da realidade, se tornarem monstros como os que diziam combater. Um terrível macunaísmo que nos frustra e desesperança parece ser a verdadeira face de nossos eleitos quando vistos sem o grosso verniz com que se expõe à vitrine. Não seria diferente com nossos representantes políticos, com os messias que nos dizem salvar e libertar do jugo do adversário.

Por meses a fio o nefasto assistencialismo populista que resultou no uso eleitoral do cheque cidadão fora criticado, os outrora críticos, agora no poder, lançam a “Lei Marcão” e não admitem críticas ou comparações ao garotismo que antes criticavam, apesar de agora agirem de forma semelhante. Não sendo tal feito ato isolado e o tempo vindo ao socorro da verdade, vemos que uma vez mais um “guardião de nosso povo”, vereador ilibado, reputação a pleno lustre, após criticar com ardor inconformado a gestão garotista, protagoniza espetáculo nas redes sociais, whatsapp e Facebook que caberia enquadrar nas mesmas críticas anteriormente proferidas.

Por vezes circularam áudios atribuídos a Suledil conclamando os aliados a atuarem de forma mais firme nas redes sociais e ficara em minha memória a seguinte frase “Quem não dá duro no emprego hoje, dará duro procurando emprego amanhã!” com que o então secretário de controle finalizava os convites à ação. Eis que, superando as expectativas, nos vem o vereador Cláudio Andrade com seu: atualize ou demita-se! Uma versão moderna do “Dá ou desce” dos ditos populares. Não bastasse o erro anterior quando em artigo “Caô de servidor” atribuiu aos servidores públicos a culpa pelo funcionamento deficiente da máquina municipal e questionado disse não ter dito o que havia dito, mas que a população não sabia interpretar seu texto. Agora, novamente, consegue tornar a emenda do malfeito pior que o ato principal quando tentou se explicar nas redes sociais.

Já nos dizia o experiente Cardeal Mazarin para observar aquilo que mais criticam e ver que ali estariam seus próprios vícios, como se criticassem a imagem refletida no espelho. Fica o munícipe com a sensação de que lhe mudaram o jockey, mas que ainda verga a sela.

 

 

Este post tem 6 comentários

  1. Eu votei neste cidadão achando que era diferente, mas com poucos meses de governo eu puder ver que é muito pior do que os seus antecessores. Cláudio Andrade, você traiu seu eleitorado. Graças a Deus sou concurso e não dependo dessa (trecho excluído pela moderação) para ganhar meu salário. Ouvi aquele áudio com nojo, nojo de ver tanta hipocrisia numa só pessoa. E Marcão infelizmente é igual.

  2. Parabéns! Texto primoroso e de grande erudição.

  3. Parabéns pelo texto primoroso e “infelizmente” verdadeiro. Agora, no dia do trabalhador, como trabalhador, servidor e cidadão campista, sinto-me enganado, ultrajado e usado. Como sua metáfora, ainda “selado”, mas como o dito popular a respeito, “empacado”. Se os hoje “jóquei” esperam ser conduzidos à outros lugares, talvez o legislativo estadual ou federal, digo que por esses, não o SERÃO. Jamais serão!

  4. Há tempo não lia um artigo tão legal, simples mas ao mesmo tempo regado de palavras requintadas. Parabéns ao editor e escritor. Atualmente não moro em Campos, mas posso afirmar que a gestão do Rafael é recheada de um amadorismo impressionante. Sobre Cláudio Andrade, o conheço muito bem e posso afirmar que é uma pessoa extremamente mercenária, ditador.

    1. Caro Plinio Bastos,

      Só para deixar claro: o escritor do artigo, colobarador quinzenal do blog, é o Alexandre Buchaul. O editor do blog sou eu, Aluysio Abreu Barbosa. Seus parabéns, que endosso, são integralmente para ele.

      Abç e grato pelas participações!

      Aluysio

  5. Coitadinhos são todos inocentes,a culpa é de Rafael que ofereceu RPA e DAS em troca de apoio politico desses vereadores

Deixe uma resposta

Fechar Menu