Opiniões

Ponto biométrico na terça do Folha no Ar, que recebe o bispo na quarta

 

André Oliveira foi o entrrevistado desta terça no Folha no Ar (Foto: Isaias Fernandes – Folha da Manhã)

 

No início da manhã desta terça (16), o secretário municipal de Gestão Pública André Oliveira foi o entrevistado do Folha no Ar, programa ao vivo de segunda a sexta da Folha FM 98,3, sempre de 7h às 8h30. Nesta quarta (17), o convidado será o bispo tradicionalista de Campos, Dom Fernando Rifan.

 

Bispo tradicionalista de Campos, Dom Fernando Rifan (Foto: Folha da Manhã)

 

No programa de hoje, André esclareceu pontos sobre o cadastramento dos funcionalismo público no ponto biométrico. Em Macaé, onde funciona desde 2015, o ponto biométrico gerou a exoneração de 500 servidores. Destes, 300 foram só de médicos. Se o fenômeno ocorrer em Campos, o secretário salientou que abriria espaço para novos concursos públicos. Ainda que, segundo ele, 90% dos servidores de Campos sejam favoráveis ao ponto biométrico.

Também presidente do PreviCampos, André ressaltou os saques de quase R$ 700 milhões que a instituição sofreu no final do governo Rosinha Garotinho (hoje, Patri), já depois da derrota nas urnas de 2016. Foram cerca de R$ 250 milhões em investimentos e de R$ 400 milhões para a Prefeitura. Ele destacou que a Polícia Federal investiga essas aplicações e transferências com dinheiro da aposentadoria dos servidores no apagar das luzes do garotismo no poder.

O secretário de Gestão também informou que o governo recebeu ofício do Siprosep com algumas reivindicações, inclusive reajuste salarial, que serão discutidas em reunião com o prefeito Rafael Diniz (PPS) na próxima semana. Enquanto a manhã de quarta não chega com a entrevista de Dom Fernando Rifan, confira nos cinco vídeos abaixo a íntegra da entrevista com André Oliveira:

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Fechar Menu