Opiniões

Wladimir consegue em Brasília R$ 2 milhões aos hospitais conveniados de Campos

 

Ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta e o deputado Wladimir Garotinho, em 12 de junho (Foto: Divulgação)

 

Boa notícia para a saúde pública de Campos. A verba de R$ 500 mil que o deputado federal Wladimir Garotinho (PSD) havia conseguido, para cada um dos quatro os hospitais conveniados ao munícipio, já estão depositados no Fundo Estadual de Saúde (FHS). O total de R$ 2 milhões deve bater na conta já nesta próxima semana. Servirá para ajudar no custeio da Santa Casa, Álvaro Alvim, Beneficência Portuguesa e Plantadores de Cana. A verba não é de emenda pessoal, mas uma conquista do parlamentar de Campos junto ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM/MS), com quem se reuniu no último dia 12.

Considerados os principais nomes à eleição majoritária de Campos em 2020, a polarização entre Wladimir e o prefeito Rafael Diniz (PPS) vem rendendo frutos à saúde do município. Em 26 de junho, o deputado federal já havia conseguido (aqui) o repasse de R$ 500 mil mensais, da secretaria estadual de Saúde, para a Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) do Álvaro Alvim. O hospital responde por 60% dos atendimentos oncológicos de Campos e região. Por sua vez, em 5 de julho o prefeito entregou (aqui) o Hospital São José. Fundamental à Baixada Campista, foi promessa da ex-prefeita Rosinha Garotinho (hoje, Patri) cumprida por Rafael.

 

Leia a cobertura completa na edição deste sábado (20) na Folha da Manhã

 

Este post tem um comentário

  1. Esse gesto humanitário é que está faltando nos vereadores da base de governo, que só servem para atacar os pais do deputado, que Deus continue te Abençoando Wladimir.

Deixe uma resposta

Fechar Menu