Opiniões

Caio tem apoio de Abdu e lidera pesquisa Paraná, em empate técnico com Wladimir

 

 

Acossada pela grande diferença de votos no primeiro turno, 27,71% contra os 42,94% de Wladimir Garotinho (PSD), e pelo grande número de vereadores eleitos que este começou a atrair (confira aqui) para o segundo turno, a candidatura Caio Vianna (PDT) acordou hoje com duas boas notícias. A primeira foi a declaração de apoio do vereador reeleito Abdu Neme (Avante), campeão de votos (5.574) na eleição proporcional, feita na manhã de hoje (confira aqui), no programa Folha no Ar, da Folha FM 98,3. A segunda boa notícia para Caio foi a divulgação, também na manhã de hoje, da pesquisa Paraná. Que registrou a liderança do pedetista no segundo turno pela Prefeitura de Campos: 52,6% dos votos válidos, contra 47,4% de Wladimir. É um empate técnico na margem de erro de 3,5 pontos da pesquisa que ouviu 800 campistas entre 17 e 19 de novembro, registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo RJ-07084/2020. O contratante, em fato inusual, é o próprio instituto.

Nos votos válidos são excluídos brancos e nulos. Esse é o mesmo procedimento adotado pela Justiça Eleitoral. Nos votos gerais, segundo a pesquisa, o filho de Arnaldo Vianna aparece com 42,5%, enquanto o filho do casal Garotinho chega a 38,3%. Nesse levantamento, brancos e nulos somam 12%, e, ainda, 7,2% dos entrevistados não souberam ou não quiseram responder. A sondagem também apresenta alta rejeição aos dois candidatos. Segundo o levantamento, 33,3% dos eleitores responderam que não votariam em Caio Vianna de jeito nenhum. O índice negativo é ainda mais alto para Wladimir Garotinho, com 45,1%.

— Repito o que disse no primeiro turno: o instituto do Paraná não conhece a cidade e já errou feio nos números divulgados no primeiro turno (confira aqui). Nesse segundo turno já começou mal, tendo uma pesquisa impugnada e tendendo a mostrar o que não existe. A relação estreita deles com o prefeito de Niterói, do PDT, já explica tudo — reagiu Wladimir Garotinho. O líder do primeiro turno, quando teve os votos divulgados como “Anulado Sub Judice” por questão ainda a ser decidida no TSE (compreenda o caso aqui), fez menção ao fato de uma outra sondagem do Paraná para o segundo turno ter sido impugnada ontem (18) pelo juiz da 76ª Zona Eleitoral (ZE), Glicério de Angiolis Gaudard. Ele viu irregularidade no fato da pesquisa registrada no TSE sob o protocolo RJ-01278/2020 ter excluído Wladimir, colocando como opções apenas Caio e Dr. Bruno Calil (SD), terceiro colocado do primeiro turno, com 13,17% dos votos.

Pesquisa Ibope no forno

O candidato Caio Vianna ainda não respondeu à tentativa de contato, feita às 10h42 da manhã, para repercutir a pesquisa Paraná que lhe foi favorável. Se e quando o fizer, será incluído na postagem. Instituto que no Brasil é quase sinônimo de pesquisa eleitoral, o Ibope tem uma sondagem sobre o segundo turno a prefeito de Campos, ouvindo 602 campistas e com divulgação prevista para a próxima quarta-feira (25), a quatro dias das urnas do dia 29, como informa aqui o Blog do Arnaldo Neto. Registrada no TSE sob o protocolo RJ-09178/2020, a nova pesquisa foi contratada pela rádio Metropolitana, do Rio de Janeiro, no valor de R$ 57.200,00.

 

Atualizado às 12h39.

 

Este post tem 4 comentários

  1. Pesquisa furada! Com intensão de influenciar os eleitores favorecendo Caio Viana.
    No primeiro turno a pesquisa deles erraram absurdamente.

  2. Essa pesquisa é primeiro de Abril, quanto aos vereadores reeleitos, o TRE e o MP deveria fazer um pente fino para apurar se não houve compra de votos.

  3. Abdu como médico pode ser um bom médico, mas como secretário de saúde deixou a desejar.

  4. Essa pesquisa eu tenho certeza que foi na casa de Caio Viana

Deixe uma resposta

Fechar Menu