Opiniões

Irmã e sogra de Esqueff reclamam do IPTU

Independente do ônus inevitável a quem responde por qualquer aumento de imposto — sobretudo numa revisão claramente abusiva, como é o caso do IPTU de Campos —, quem já teve a oportunidade de conversar com Francisco Esqueff, pôde perceber que, além de um técnico preparado e de raciocínio fluido, o secretário de Finanças de Rosinha se trata de um sujeito boa praça, dotado de fino humor.

Após admitir que, a partir da reclamação de um morador do Recanto das Palmeiras, ele reviu o aumento abusivo de todo o condomínio de prédios, que teria sido equivocadamente taxado como área industrial, Esqueff revelou estar sendo cobrando dentro da própria família. Sua irmã, que mora no IPS, e a sogra, residente na Pelinca, estão entre os muitos campistas a sofrerem com a goela larga do governo Rosinha neste ano em que Garotinho, ao que tudo indica, se prepara para lançar uma dispendiosa campanha ao governo do estado.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

Fechar Menu