Opiniões

Rosinha usa royalties para suspender Plano de Cargos e Salários dos professores

Com a alegação de ter que aguardar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a partilha dos royalties, o governo Rosinha acaba de suspender o Plano de Cargos e Salários (PCS) da rede pública municipal. Segundo consta no site da Prefeitura (aqui), apenas com a manutenção dos recrusos do petróleo aos estados e municípios produtores, poderia ser honrado o compromisso assumido com a categoria para começar deste mês de março. Se a decisão dos royalties for favorável a Campos, o governo promete fazer valer o PCS do magistério retroativo a março.

Na reportagem, o secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Fábio Ribeiro, tenta se justificar: “O impacto da folha de pagamento com a implantação (do PCS) é da ordem de R$ 2,5 milhões e seria custeada com recursos da receita própria e complementada com parte da verba do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação”.

À alegação da Prefeitura, cabe uma pergunta do blog, que certamente também deve ser a dos professores: Se a parte do município no PCS era da “receita própria”, como pode ter sido ser afetada pelos royalties???

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 8 comentários

  1. Simples: td agora eh culpa do “royalties” . . . o APOE na semana passada, parou td, por que??? Seus funcionários disseram que por culpa dos “royalties” e por aí vai . . .
    Os nossos prefeitos e a população (essa por comodismo), acostumaram a viver na dependência dos royalties.
    A Prefeitura é a única fonte de renda que, muitos campistas hj em dia conhecem.
    Massss, se td depende só dos royalties, os impostos pra onde vão???
    E a quantia que a Governo Federal manda todo mês, pra onde vai????

    =/

  2. Corrigindo: A APOE.

  3. Covardia , a mais pura covardia. A questão é que o Orçamento já foi votado este ano com a previsão de custo do Plano. No caso da perda não for tão grande, e ai, como vai ficar o servidor? Quando querem o povo para protestos, sempre contam com os servidores, mas na verdade, são aqueles fomosos “contratados”, por isso os efetivos concursados que se danem. Pura covardia.

  4. Antes a culpa do caos era o governo anterior.Agora a culpa é da “provável” divisão dos royalties.Mas os royalties não podem ser usados para pagamento de salários.Daí a necessidade de CPI.A mesma população que reclama da falta de médicos como se a culpa fosse dos médicos,deveria cobrar melhoria das condições de trabalho dos profissionais de saúde para que haja melhora no atendimento nos Postos e Hospitais.

  5. Porque a prefeita não reduz os mais de 800 DAS com salário de até 7.000,00? Pimenta nos olhos dos outros é refresco né?

  6. Cara Ana Carolina,

    Realmente, parece ser muita culpa alheia e pouca própria, não é mesmo?!?!?!… (rs)

    Abraço e grato pela colaboração!

    Aluysio

  7. Caros Eliana e Jose Renato,

    Assino embaixo das suas indagações. E, no caso específico do Zé Renato, penso que todos os professores da rede pública municipal também!

    Abraço e grato pela colaboração!

    Aluysio

  8. ELA pode SUSPENDER PALNO DE CARGOS?
    Royalties é o único que faz Campos dos Goytacazes TER VIDA PROPRIA?
    Os impostos que pagamos,então, são eles desviados.

Deixe uma resposta

Fechar Menu