Opiniões

Nahim: abandono de Magal é conversa fiada!

Sobre uma suposta nova ameaça de Jorge Magal abandonar a liderança governista na Câmara, anunciada no blog do Cláudio Andrade (aqui) e lá mesmo desmentida pelo vereador do PMDB (aqui), ao ser indagado se era só conversa, Nahim, que hoje se reuniu com Magal, adjetivou: “conversa fiada!”.

Como o advogado (o blogueiro, não o prefeito em exercício e presidente da Câmara) ressalvou: Vamos aguardar…

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 5 comentários

  1. MAGAL , É DA ANTIGA ! SEMPRE PAU MANDADO , PUXA SACO , NÃO É CONFIÁVEL , É OUTRO HOMEM BOMBA .

  2. Rs.. de novo??? Esse Magal é uma piada, nao sei como tem gente que tem coragem de votar nele…. rs Não tem palavra, mas esse joguinho nao vai cair com Nahim, esse é um dos que nao dormem esperando Rosinha voltar… tadinho dele… O “Vamos Aguardar” de Nahim é porque ele ainda nao esta firme no cargo, nao pode se pronuciar, mas se ele ficar… te cuida Magal e os puxa sacos de Garotinho…. nao vao ter vez… rs

  3. O vereador Magal é o cara mais infiél que já vimos na Câmara de Campos. Vive sempre em cima do muro e não tem méritos suficientes para assumir nenhuma postura como (…) e político! Afinal, é puxando o saco que ele consegue os seus objetivos!

  4. Bom… é lamentável a situação política em nossa cidade, somos o município com a maior troca de prefeito do país.
    Essa hora éramos pra estar discutindo a divisão dos royalties do petroleo, toda população deveria estar mobilizada em manter a atual legislação, mais o que vemos mais uma vez são os interesses individuais de certos grupos que só estão preoculpados em perpetuar no poder.
    Preicisamos de uma reforma politica intensa e que funcione, aonde só pudesse realmente preencher qualquer cargo que tivesse ficha limpa, como em qualquer função pública que requer concurso.
    No d+, um ótimo fds pra tds!!!

  5. Caro Luciano,

    Uma das distinções positivas dos blogs hospedados na Folha, é que não publicamos ofensas pessoais nos comentários. Não por outro motivo, fomos obrigados a promover uma pequena edição no seu. Espero que compreenda e nos perdoe a liberdade.

    Abraço e grato pela colaboração!

    Aluysio

Deixe uma resposta

Fechar Menu