Opiniões

Citados por Garotinho, blogueiros de A Mosca Azul preferem não falar

 

Citados nominalmente aqui, pelo deputado federal Anthony Garotinho (PR), como testemunhas do suposto Caixa 2 que teria sido feito na campanha do deputado estadual Roberto Henriques (PR), os blogueiros Frabrício Freitas e Charles Guerreiro, responsáveis pelo A Mosca Azul, preferiram não se pronunciar. Procurado a partir do celular disponível em seu blog, Fabrício entrou em contato com Charles e depois comunicou a este blogueiro a decisão de ambos: ficar de fora dessa troca de acusações entre Garotinho e Henriques.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 3 comentários

  1. Esses dois camaradas estão frustados acharam que seriam os comandantes mas o RH é mais esperto,espero que eles tb provem as denúncias de zorro se não a chapa vai esquentar pra eles.Vamos lá RH vamos levar as denuncias ao MP depressa.

  2. eu como leitor da folha da manha queria deixar uma sujestao tire o blog mosca azul do site do jornal o blog a mosca azul publica materias sem averiguar os verdadeiros fatos publicam o que querem sobre pessoas honestas e nao se retratam e blog sem credibilidade e sobre o que eles dizem tem contra roberto henrriques nao se pode confiar vcs lembram que charles fingia ser amigo de mocaiber e quando roberto assumiu a prefeitura foi o primeiro a mudar de lado perdao retifico ele nunca saiu do lado deroberto ele e (…) nao podemos confiar

  3. Caro Matheus,

    A Mosca Azul está na Folha Online como anunciante, não como blog hospedado. Até onde sei, Fabrício e Charles são hospedados na versão virtual de O Diário. Acho, pois, que suas críticas deveriam ser endereçadas diretamente aos dois blogueiros, ou ao jornal que os acolhe editorialmente, não àquele que apenas comercializa parte do seu espaço a um cliente como outro qualquer.
    De qualquer maneira, não deixa de ser pertinente constatar que um produto virtual hospedado por um jornal concorrente, em busca de repercussão, recorra à compra de espaço comercial na Folha Online. Em termos de evidência, vale para traçar a larga fronteira que, em Campos, separa a Folha de tudo que é feito no mundo virtual fora dela.
    Em relação à atuação de Fabrício e Charles, se o que vc me pede é uma avaliação pessoal, diria que são dois jovens em busca de espaço, e como quaisquer outros nessas condições, eles ainda têm muito a aprender, seja nos eventuais exageros, na busca do contraditório, ou mesmo no uso correto da língua. Entretanto, inegável a dedição de ambos ao seu blog, assim como o papel didático que este tem desempenhado na blogosfera local, evidencando aos navegantes que o primeiro risco de quem quer bater é saber que pode também apanhar.

    Abraço e grato pela colaboração!

    Aluysio

Deixe uma resposta

Fechar Menu