Royalties — Não adianta gritar (e nem agir sem pensar)

Sobre o fechamento de estradas federais pelas prefeituras de Campos (BR 101, ontem e hoje) e São João da Barra (BR 356, em ato programado para daqui a pouco), com direito aos atos de vandalismo praticados hoje no aeroporto Bartolomeu Lisandro e no Heliporto do Farol (adiantado aqui, antes mesmo da sua execução, pelo blogueiro Cláudio Andrade), de tudo que até agora li, vi e ouvi, o mais sensato foi dito aqui, pelo jornalista e blogueiro Alexandre Bastos, cuja síntese, como em todo bom escrito, se dá no título: “Não adianta gritar”.

Abaixo, para provar que adianta ler, assim como pensar antes de agir, o texto de Bastos:

Como os deputados e senadores bateram a carteira dos estados e municípios produtores? Eles articularam nos bastidores, conseguiram fortes aliados e buscaram brechas para colocar o plano em ação. O senador Renan Calheiros (PMDB), que comandou o show de ontem (06), não gritou, não esperneou nem “jogou para a galera”. Foi frio, calculista e venceu.

Será que a melhor estratégia para vencer a “turma do Renan” é queimar pneu, fechar estradas e invadir aeroportos?

Não seria melhor agir com a mesma frieza, buscar parceiros, deixar a vaidade de lado e partir em busca de uma decisão favorável no STF? Criar um clima de terror só vai piorar as coisas e demonstrar fraqueza diante de adversários tão poderosos.

Fogo ateado hoje pelos manifestantes no aeroporto Bartolomeu Lisandro (foto de Rodrigo Silveira)
Fogo ateado hoje pelos manifestantes no aeroporto Bartolomeu Lisandro (foto de Rodrigo Silveira)
Rastro da depredação hoje no Heliporto do Farol (foto de Helen Souza)
Rastro da depredação hoje no Heliporto do Farol (foto de Helen Souza)
fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 11 comentários

  1. Luiz Cláudio

    Como dar legitimidade a um ato, com o Congresso Nacional sob a batuta do Sr. Renan Calheiros? Agora terão que aguentar as conseguências.

  2. Aluysio

    Caro Luiz Cláudio,

    Desde que as consequências não sejam atear fogo no aeroporto ou depredar o heliporto de Campos, pois não???…

    Abç a grato pela colaboração!

    Aluysio

  3. Maria lamonica

    Esse novo prefeito de sao joao da barra é mto fraco mesmo. Convenhamos, o cara é um pastel!

  4. Andrade

    A população de campos não dá a mínima para os royalties. E não estão errados pq ninguem vê melhorias com esse dinheiro. Jardins bonitos e arcos na beira valão é muito pouco para oque se ganha mensalmente. A educação basica ainda é uma das piores do país. Só quem tem muita moral consegue bolsa universitária atraves da prefeitura, ou seja, quem não precisa. E tem mais. Estes manifestantes na verdade são servidores terceirizados da prefeitura de campos que fazem manifestação em troca de um dia de descanso. Podem perguntar onde eles trabalham que terão a confirmação do que estou falando. Me revolta quando os noticiarios falam que a população fez menifestação.

  5. Maria

    É o Caos. Como dar credibilidade a um Congresso Nacional cujo presidente é um condenado da justiça.
    Em todo duelo as armas apresentadas devem ser IGUAIS.
    Estou com o Bastos.Este Sr(Renam Calheiros) é muito articulado,senão não teria chegado onde chegou e lá permanecido.

  6. Em Campos jamais o dinheiro do petroleo q é finito, foi usado em prol da populaçao e sim para encher o bolso de alguns dessa admisnistraçao como de administraçoes anteriores, vai sobrar para os puxa sacos q serao demitidos….Quero ver a reaçao dessa corja de terceirizados apadrinhados pelos verwadores e pelo executivo….sardinha n vai caber na lata….Isso é CAMPOS da FAMIGLIA GAROTINHO…

  7. Savio

    Particularmente eu não vejo o menor sentido na orquestração desta “manifestação”. Aposto que os políticos dos estados não-produtores sequer tomaram conhecimento, mas se tomaram, devem estar é morrendo de rir!
    Sob o meu ponto de vista, a organização da referida manifestação tem outro sentido, e atende a um outro viés: O de mostrar que o povo eleitor do candidato “X” o apóia. Quase posso garantir que tudo está sendo filmado para ser usado “lá na frente” como apoio de campanha, ou seja, tem fins eleitoreiros.

    Fora deste argumento, não há nada que justifique tal ato, com todo aspecto de pura anarquia.

    O fato é, para quem viu toda a votação, que não foi dada a mínima para os nossos políticos! Pra começar, o Sr Renan Calheiros é ‘macaco velho’, pra não dizer que é “p… velha” em lidar com este tipo de situação. Literalmente fez-se de “surdo” e de “morto” sem se abalar em nenhum instante.

    Os nossos quixotescos políticos foram, em alguns momentos, alvos de risos, a ali, mostraram a sua fragilidade e como em meio aos velhos lobos da política, revelaram-se meros carneirinhos inofensivos e mansos.

    O espaço não permitiu bravatas nem fanfarronices que são tão comuns nos discursos e atitudes dos nossos políticos, e que todos nós estamos acostumados a ver e ouvir. Independente da questão pressionada pela maioria quase absoluta, numa disputa extremamente desigual, os nossos “representantes” estiveram acanhados, embora vez ou outra esboçassem uma reaçãozinha.

    Mas, nas atitudes políticas, tudo se aproveita!É como quem cria gado pra corte, pois do boi, tudo se aproveita.

    Não demoraremos a ver “declarações” do tipo, “eu fiz aquilo”, eu disse aquilo outro, eu “enfrentei”, etc. Logicamente jamais vão dizer sobre a omissão e sobre o que deixaram de fazer! Não estiveram atentos às articulações dos políticos dos estados não-produtores, por exemplo!

    Estão tão acostumados a uma idéia de “reinado” devido à política prepotente do nosso Município, que julgaram que a Presidente Dilma, uma vez tendo (politicamente) vetado a questão dos Royalties, que a deram como certa e garantida.

    Criaram a infantil fantasia de que só isso bastava, coisa que com certeza nem a própria Presidente levaria a sério.

    Enfim, “não adianta levar chicote para domador de circo”.

    Vai é ficar na memória o cinismo do Sr Renan Calheiros, como o símbolo do escárnio e frieza, dando-nos uma prévia sobre os caminhos perigosos que este país ainda passará até entender que precisa aprender a votar em pessoas sérias e comprometidas com o bem comum de um modo honesto e mais justo.

  8. cricio mahaes pinto

    INFELIZMENTE MANIFESTAÇÕES EM CAMPOS/RJ E REGIÃO ACONTECEM BADERNAS.TRABALHO EMBARCADO PLATAFORMA PPM-1 E POR CAUSA GRUPO PESSOAS NOSSO VÔO FOI CANCELADO!

  9. Maria lamonica

    Pelo visto, adiantou gritar sim! Viu as manchetes em todo o país? Viu os vídeos em todas as edições dos jornal da Globo nao só locais como nacionais? Protesto sao importantes sim, de qualquer maneira, vcs que gostam de criticar a QQ custo. Nem parecem campistas. Garotinho to fora assim como vcs, mas nao to cego ainda nao, vcs estão.

  10. Marta Maria

    Manifestação é uma coisa e baderna é outra.
    O que temos assistido em Campos é lamentável.Fechar uma BR por onde passam milhares de pessoas com suas variadas necessidades é inadmissível.

  11. ana paula

    Não foi só a prefeita que fez badeina não, o vereador Gil Viana com seus comparsas (cargos de confiança do Farol), um vereador que esta no seu 2º mandado, coisa horrível. As escolas da prefeitura nem teve diretores e nem terceirizados, todos foram convocados pela madrugada para participar da manifestação. Pelo que passou no vídeo os responsáveis pelos setores da prefeitura em Farol (creches, posto médico, casa da terceira idade, escolas, etc.), foram todos convocados. Que vergonha! Cidade de campos é manchete na GLOBO toda semana, kkkkkkkkkkkkkk

Deixe um comentário