Com dinheiro dos royalties, rejeição desfila de destaque no Campos Folia

Com a participação de três grandes escolas de samba do Rio, a Vila Isabel (campeã do último carnaval carioca), Grande Rio e Unidos da Tijuca, cujos preços das contratações pelo governo Rosinha (PR) ainda não foram relevados, começa daqui a exatos 13 dias o Campos Folia, para o qual o Centro de Eventos Populares Osório Peixoto (Cepop) foi construído, ao custo de quase R$ 100 milhões do dinheiro público. Essas despesas absolutamente desnecessárias com um já antes questionado carnaval fora de época, agora mais ainda, pela expectativa da definição da nova Lei dos Royalties no Supremo Tribunal Federal (STF), mais uma vez joga por terra todo o discurso rosáceo de cautela na aplicação dos recursos públicos municipais.

Não por outro motivo, a festa mais popular do Brasil, na Campos governada por Rosinha, promete ser um dos mais impopulares da história, por perdulário e inoportuno. Como a epidemia de dengue que assola o município, que não foi evitada, a reação popular maciçamente contrária ao Campos Folia, pelo menos neste momento, já pode ser antecipada na blogosfera e na democracia irrefreável das redes sociais deste “viridente plaino goytacá”…

Blog do Bastos


Carnaval fora de época gera polêmica na internet

Por alexandre bastos, em 11-04-2013 – 17h34

Facebook/ Enquanto isso em Campos dos Goytacazes

Será que os campistas aprovam o Carnaval fora de época que será realizado este mês no Cepop? Se levarmos em consideração os discursos dos aliados da prefeita Rosinha Garotinho (PR), o evento é esperado com ansiedade pela população. Por outro lado, analisando alguns comentários na página “Enquanto isso em Campos dos Goytacazes”, curtida por quase 11 mil pessoas, a visão em relação ao “Campos Folia” não é das melhores. Após uma pergunta sobre o Carnaval (aqui), internautas de várias partes da cidade opinaram.

Confira uma parte dos comentários no Facebook:

Rafael Santos: Não faz diferença, nunca vemos o dinheiro lucrado pela prefeitura sendo usado nos Hospitais, Escolas, Ruas, etc, etc…

Leda Santos De Souza Santos de Souza: o tempo que faz o carnaval fora de época, coloca mais médicos nos posto de saúde ,e remédio que estão faltando

Amanda Tavares: Totalmente desnecessário. Tem muita coisa mais importante pra eles gastarem o dinheiro, educação e saúde, por exemplo!

Matheus Nunes: Dinheiro jogado fora umas coisas feia eles se acham que são as escolas de samba do rio… nem perco meu tempo, nunca fui e nem pretendo ir no cepop

Maria Emilia Boa Ideia.. Pelo menos povo que curti a praia..tem oportunidade de conhecer…ja que no dia certo,todos estao na praia!

Sandro Borges Pra qm gosta né! se destrai um pouco #temumascoisasengraçadasrs

Paula Vigneron: É para essas porcarias que vão os royalties. Investimento em algo positivo e definitivo para a população não existe. Cadê as vagas de emprego? A evolução da educação? A melhoria na saúde? O dinheiro que deveria estar nesses setores está indo para as festas e comemorações que poderiam ser deixadas para depois.

Tais Armond: perda de tempo. Desperdício de dinheiro com coisa desnecessária.
O dinheiro que estão gastando com isso, podia ser gasto com a saúde, transporte, educação.. Mas enfim né.. Fazer oq. :/

Rafael Fernandes Mas não adianta nós reclamarmos aqui. Pois as pessoas que frequentam e adoram esse tipo de coisa, não ficam vendo opiniões por aqui. Tem que ter o carnaval sim, mas com menos gastos e de outra forma para resgatar o carnaval que tinha em campos em tempos bem, bem passados…

Matheus Rodrigues Mais eu queria ver se naum tivesse o carnaval, esse povoo tava falando q campos seria uma cidade atrasada q naum tem carnaval e tal .. Se quer emprego mesmo só procurar no balcão de emprego q vc acha muitas vagas, são mais de três mil vagas, num vem com essa de q naum tem empregoo naum ..

Aírton Muniz Barreto O tempo que faz uma festa desnecessária… dê um salário digno aos nossos professores ou até mesmo fazer uma coisa simples, o tempo que faz praças espalhados pela cidade, faça escolas, hospitais, centro de reabilitação para dependente químico… Sei lá, nem sei o porque estou falando isso, não irá mudar nada mesmo, só comentei pra poder abrir os olhos dos eleitores.

João Paulo Furtado Triste, Enquanto isso, o asilo do carmo…

Andrea Pereira É só olhar pros corredores do HFM. A saúde pede socorro akiem Campos. Esse dinheiro gasto com isso aí; não resolveria, mais sim, amenizaria.

CALMA, FOI SÓ UM SUSTO!!!!!

Por Branca, em 12-04-2013 – 07h28

É realmente notória a preocupação da prefeita com a possível diminuição no repasse dos Royalties!! Eis a notícia: Vila Isabel, Unidos da Tijuca e Grande Rio no Campos Folia 2013 (Folha da Manhã online).

Ai me pergunto: vem de graça? Quanto custará aos cofres públicos essa farra?

Seria cômica se não fosse trágica a percepção de prioridades do poder executivo. Deve ser por alguma patologia, mas não sei se dele ou nossa.

Em recente entrevista ao blog “Opiniões”, do Aluysio Abreu Barbosa (aqui), o líder do governo na Câmara, Paulo Hirano (PR) refere que o “susto” dessa possível perda serviria  para que o governo pudesse “repensar a questão dos gastos, replanejar, refletir, redimensionar”. Mas pelo visto, o governo não se assusta tão fácil assim, pois…

Enquanto vemos isso:

Nisso:

Em uma UTI de um hospital por aqui, faltam:

florence 5

E inconstitucional é a criação da Comissão fiscalizadora dos Royalties?

Fala sério…

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 6 comentários

  1. Boa Tarde Aluyzio ,
    É preocupante em que neste momento que kit para fazer o exame da dengue esta faltando, seja aplicado dinheiro em um carnaval fora de época .
    Este governo não tem critérios e nem prioridades na aplicação dos recursos municipais , deixa pessoas morrerem nos hospitais e paralisam as obras licitadas .
    Muitos empreiteiros de obras já estão em ponto de falência devido a falta de pagamentos por parte da prefeitura .

  2. JOSE GERALDO

    Todos nós sabemos que o carnaval no Brasil, virou um grande evento popular e comercial, quando atrai muitas pessoas de fora da cidades para assistir ao evento.

    Carnaval é carnaval, é festa popular e tem data certa no calendário nacional, válido para todo o Brasil, inclusive com o tradicional feriado da terça e metade da quarta.

    Escolas param , pessoas viajam, praias ficam cheias daqueles que podem viajar e etc.

    A razão da mudança dessa data de comemorar o carnaval aqui, decorreu da grande enchente no ano de 2008, se não me engano, tornando intransitável a Beira rio. A partir daí, por decisão da prefeita Rosinha, nunca mais retomou o calendário normal.

    Transtorno para todos, inclusive para a Secretaria de Educação que tem de perder dias letivos que são enganados no calendário, por artimanhas diversas.

    Com o CEPOP e sem as enchentes de janeiro e fevereiro, nada mais justifica a manutenção dessa nova data.
    Vamos esperar que a Prefeita repense, e decida voltar ao calendário normal de todo o Brasil para o carnaval. Fica aqui a sugestão.

    Agora, a manutenção dessa loucura fora de época, é porque fica melhor politicamente fazer esse negócio fora do calendário nacional, chamando a atenção para Campos, de muitas pessoas até fora de Campos, para badalar o nome da rosinha e do deputado né ???

  3. JOSE GERALDO

    Eu tento encontrar atitudes desse governo rosa que mereçam elogios. Mas como deixar de condenar mais essa farra com o nosso dinheiro chorado dos ROYALTIES, para engordar escolas de samba ricas á do Rio, se nos hospitais estão faltando de um tudo??????

    Até o médico responsável, pelo CRD fala que faltam os quites básicos até para sere feita a sorologia da dengue??

    E isso referente à epidemia em nossa cidade. O que é mais importante? atender prontamente as pessoas com todo o suporte médico e de materiais necessários, ou contratar as treis escolas por nada menos do que uns R$5.000.000,00 para se exibirem lá no CEPOP da ROSINHA, enquanto lá mesmo, durante os desfiles noturnos, centenas de pessoas estarão sendo picadas pelos mosquitos transmissores da DENGUE????

    Quero ser propositivo aqui: Prefeita, cancele esse carnaval fora de época, ou minimize os gastos apenas aos que já foram feitos, DISPENSANDO AS ESCOLAS DO RIO, e VAMOS TRABALHAR 24 HORAS TODOS OS DIAS PARA NÃO DEIXAR QUE O PICO DA EPIDEMIA CRESÇA MAIS ATÉ MAIO, COMO JÁ É ESPERADO POR V. EXCIA. nas palavras de seus responsáveis pela crise da saúde, inclusive o seu (trecho excluído pela moderação), SULEDIL BERNARDINO.

    E digo mais prefeita: SE A SENHORA ACEITAR, EU COLOCO-ME À SUA DISPOSIÇÃO PARA AJUDAR A IDENTIFICAR MUITAS OUTROS FOCOS DE PRODUÇÃO DAS LARVAS DA DENGUE, COMO JÁ TENHO SUGERIDO AQUI E EM OUTROS LUGARES DA FOLHA DA MANHÃ, ALÉM DE DEFINIR ESTRATÉGIAS URGENTES DE COMBATE.
    É SÓ AUTORIZAR.

  4. jomares

    RAPAZ TODO ANO NESTE PERIODO ESSE BLA BLA BLA, LEIA A LEI DOS ROYATIES E RESPONSABILIDADE FISCAL E VEJA SE PODE COMPRAR REMEDIOS COM ELE E OUTRAS COISAS, SE PUDER ME AVISE E ME CHAMA VAMOS ASSINAR UM MANIFESTO SEM QUIEMAR PNEUS E VAMOS ATÉ BRASILIA AO STF, A OMS E PEDIR A PRISÃO DE TODO MUNDO QUE ESTA GASTANADO DINHEIRO COM CARNAVAL, VOU FICAR ESPERANDO O CONVITE!

  5. JOSE GERALDO

    Boa noite Jomar. Se é dirigido a mim a sua colocação, prometo que vou ler cuidadosamente a Lei dos royalties, mas, a priori e pelo que sei, não há impedimento para tal despesa, até porque, depois que a prefeitura recebe o repasse, este entra na receita geral e pode ser usado sim pra esse fim.

    Parece que a restrição esta afeita apenas à despesa com pessoal da folha de funcionários concursados. Quanto ao resto, há sim a discricionariedade do gestor. mas vamos conferir e estarei à sua disposição para prepararmos o manifesto e coletar as assinaturas necessárias.

  6. maria

    Existem varios cartazes espalhados pela cidade informando a populaçao sobre as consequencias da falta dos Royalties, inclusive fechamento das UPAS .
    Quem entende isto?

Deixe um comentário