Expoente volta à pauta da InterTV

Aqui, em seu mural no facebook, o advogado e diretor jurídico do Observatório para Controle do Setor Público, Cleber Tinoco lembrou que a InterTV voltou à pauta da polêmica compra de material didático da Expoente pela Prefeitura de Campos. Para conhecer o caso, passo a passo, desde o seu início, confira aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui. Ontem, a InterTV revelou que Campos é o único município fluminense a comprar de empresa privada o material didático que o ministério da Educação oferece gratuitamente, gerando resultado melhor no Índice de Desenvolvimento da Educação em todas as demais cidades do Estado do Rio, conforme foi postado aqui, no G1, com o vídeo da reportagem, cujo texto segue transcrito abaixo…

O município de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, é o único do estado do Rio de Janeiro a abrir mão dos livros gratuitos oferecidos pelo Ministério da Educação para as escolas municipais de todo o país. A prefeitura optou por pagar por livros do Grupo Expoente, do Paraná, e, nos últimos três anos, os gastos já chegaram a R$ 22 milhões.

O Sindicato dos Professores de Campos questiona a opção da prefeitura e afirma que a decisão não resultou em melhoria no desempenho escolar dos estudantes. O município tem hoje uma das piores notas no Indice de Desenvolvimento da Educação (Ideb). No quinto ano do Ensino Fundamental, por exemplo, o município aparece com média de 3.6 em 2011, último Ideb divulgado pelo ministério. Um índice bem abaixo média do estado que é de 5.1.

A cidade de Santo Antônio de Pádua, no Noroeste do estado, utiliza os livros do MEC e obteve 5.9. Outros municípios do mesmo porte de Campos dos Goytacazes e que adotam os livros do MEC também estão em situação melhor como Niterói, que obteve 4.6 e Belford Roxo, que ficou com 3.8.

Educadores da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf) analisaram o livro de Lingua Portuguesa utilizado pelos alunos do terceiro ano do Ensino Fundamental no município e o resultado das análises mostrou que o conteúdo do livro não corresponde à realidade do município.

A secretaria de Educação de Campos, no entanto, justifica a compra dos livros do Grupo Expoente afirmando que o Ministério enviava livros didáticos em menor quantidade para o município e havia diferenciação de editoras que atendiam as unidades escolares. Segundo a secretaria, esta diferenciação das editoras criava problemas para os alunos transferidos de uma unidades escolar para outra.

A equipe do RJ Inter TV 2ª Edição entrou em contato com o Ministério da Educação que negou a informação da prefeitura e informou ter reservas técnicas suficientes para repor livros e atender o Brasil inteiro.

Além de Campos dos Goytacazes, outros 49 municípios do país não aderiram ao programa do MEC. Os demais 5.564 municípios recebem anualmente os livros enviados pelo ministério para as escolas municipais.

Em nota, o Grupo Expoente informou que o material didático dirigido aos alunos de Educação Infantil adquirido pelo município de Campos dos Goytacazes segue todas as recomendações do MEC e trata da regionalização nas séries devidas.

Atualização às 23h53: A jornalista Jane Nunes já havia repercutido aqui, desde ontem, no “Estou procurando o que fazer”, a exibição da nova matéria da InterTV sobre o caso Expoente.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 5 comentários

  1. JOSE GERALDO

    É isso aí. São tantos os escândalos e desperdícios de dinheiro aqui no DESGOVERNO ROSA, que até uma parcela mais comprometida com a probidade administrativa do Ministério Público de Campos, diga-se: do Estado, está querendo saber mais sobre essa tal EXPOENTE, e sua vinculação com a Secretária de Educação Joilza, porque a prefeita diz que apenas os secretários devem responder pelos seus eventuais crimes de peculato e outros. Ela, igualmente ao LULA, dá a entender que não sabe e não quer saber de nada dentro do seu “governo”.
    ????????????

    ENQUANTO ISSO, O IDEB DE CAMPOS ÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓ…

  2. maria

    Caraca e’ muita cara de pau!
    O mau do sabido e’ achar que todo mundo e’ burro e so’ ele e’ inteligente.

  3. Jonas

    o juiz deve saber que é lavagem de dinheiro

  4. oswaldo

    É UMA VERGONHAAAA, ELA NÃO ESTA NEM AÍ PARA A POPULAÇÃO.

  5. pedro

    Mudando de assunto pq a policia nao revista todas as motos com dois ocupantes em campos toda hora pois dai que estao vindo os assaltos e crimes na cidade que estao sendo muitos Aluisio da esta ideia a policia ai fale pra eles revistarem motos com duas pessoas toda hora de manha tarde e noite

Deixe um comentário