O Papa é argentino, Deus é brasileiro, mas Cristo virou alemão

O Papa é argentino, Deus é brasileiro, mas Cristo virou alemão
O Papa é argentino, Deus é brasileiro, mas Cristo virou alemão

 

Futebol, como a vida, não é ato de justiça. Mas ontem foi. Venceram os melhores. Dentro e fora de campo.

 

Pôster Alemanha campeã
Como escrevi antes do jogo, uma das melhores gerações que um país já produziu na história para jogar futebol

 

Atualização às 14h36: O primeiro na blogosfera local a divulgar o pôster oficial dos tetracampeões alemães foi o Christiano Abreu Barbosa, aqui, em seu “Ponto de vista”

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 3 comentários

  1. sandra santos

    Dignidade.
    Amor à Patria.
    Amizade .
    “Todos por um e um por todos”

  2. Prof. Elias Gonçalves

    EU JÁ SABIA….VEJA O QUE ESCREVI NO DIA 9 DE JULHO DE 2014.

    ADEUS É BRASILEIRO

    Ao acordar no dia de hoje – 09-07-2014 – primeiro que todos os brasileiros, pois aqui em Braga-Portugal, o sol nasce primeiro, quando aí são SETE horas das manhã, aqui já são ONZE. Liguei meu PC para ver as notícias da FOLHA on line – o que faço todos dias para matar a saudade da minha terra e colher notícias – deparei-me com uma foto de capa, maravilhosa – uma criança sendo abraçada pela Bandeira Nacional – e com a manchete na coluna de esportes Schweinsteiger pede desculpas ao Brasil, isto é EDUCAÇÃO! Amigos brasileiros, existi o jogo diferente dos outros, quando estava na minha casa – aí no I.P.S – e fazendo uma tremenda alegrei, comendo pipoca, fazendo um cafezinho e gritando com os meus filhos e minha mulher. Ontem, foi diferente, estava num quarto de hotel solitário e falando, via SKYPE, com a minha mulher, sentindo que deram um tiro de canhão no coração do “canarinho”. Erro total do nosso técnico: pensar que o nosso “escrete” podia jogar aberto com a Alemanha, germânicos educados e científicos com grande requente de malvadez. O Brasil ficou em estado de choque!!! Belo horizonte, fez-se, de novo, história no Mundial do Brasil. Em 1950, o Brasil perdeu, no Maracanã, na final com o Uruguai. O acontecimento tornou-se lenda e passou a fazer parte das memórias mais tristes do povo brasileiro. Agora, na meia final de Belo Horizonte, um resultado impensável, uma derrota humilhante por 1 a 7, com 0 a 5 à meia hora de jogo. Um pequeno Brasil cilindrado por uma grande Alemanha que fez uma meia parte absolutamente soberba, destroçando, por completo, um Brasil equivocado, ao pensar que tinha equipe e jogadores para jogar olhos nos olhos com os alemães. Depois de um jogo assim, o Presidente da FIFA devia decretar, desde já, Alemanha campeã e ADEUS AOS BRASILEIROS!!!

    Braga-Portugal 14-07-2014

    Prof. Dr. Elias Gonçalves

  3. márcia

    Vencedores na vida.Mereceram ser vencedores no campo.
    O maior legado dessa copa foram as atitudes alemães: sua educação,
    respeito e planejamento cujo futebol deles nada mais e que
    reflexo de seu dia a dia em seu pais!
    Parabéns aos alemães!

Deixe um comentário