Opiniões

Ponto final — Coincidências nas pesquisas que deram liderança a Dilma e Crivella

Ponto final

 

Quem lidera para presidente?

Quem afinal lidera as corridas a presidente do Brasil e a governador do Rio? Segundo pesquisa da Sensus, feita entre os dias 7 e 10 deste mês, Aécio Neves (PSDB) teria aberto quase 18 pontos de vantagem sobre Dilma Rousseff (PT), com 58,8% a 41,2% dos votos válidos. Pois o Vox Populi ontem divulgou outra consulta, colhida nos dias 11 e 12 do mesmo mês, para apontar o empate técnico entre os dois presidenciáveis, com leve vantagem para Dilma, com 51% a 49% dos votos válidos.

 

E para governador?

Já na disputa ao Palácio Guanabara, enquanto a pesquisa Gerp divulgou Marcelo Crivella (PRB) na liderança, com 55% a 45% dos votos válidos, o GPP anunciou Luiz Fernando Pezão (PMDB) em dianteira folgada, com 56,8% a 43,2%. Como a primeira pesquisa foi feita entre os dias 6 e 8 de outubro, ao passo que segunda se deu nos dias 6 e 7 deste mesmo mês, como Crivella pode aparecer liderando com 10 pontos em uma, e Pezão ter 13,6 pontos de vantagem na outra?

 

Coincidências

Na certeza de que há alguém errando grosseiramente e na dúvida de quem, não é difícil imaginar a causa. Coincidentemente, tanto a Gerp que deu Crivella na frente por muito, quanto a Vox Populi na qual Dilma lidera por muito pouco, foram divulgadas pela Rede Record, que tem como proprietário o bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) e tio de Crivella, ex-ministro da Pesca de um governo federal disposto a tentar caminhar sobre as águas para se reeleger.

 

A igreja e a seita

Não é difícil observar que o mesmo radicalismo com que os fieis da Iurd berram contra o Demônio em seus cultos, parece ter acometido a seita petista. Para ela a mídia, sobretudo a Globo, seria a principal causa das dificuldades eleitorais de Dilma, não a volta da recessão econômica no país, os muitos apoios que Aécio reuniu no segundo turno, com destaque ao de Marina Silva (PSB), ou os depoimentos de Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras, e do doleiro Alberto Youssef, detalhando o esquema de corrupção que teria desviado mais de R$ 10 bilhões da maior estatal brasileira para beneficiar PT, PMDB e PP, incluindo na campanha eleitoral de 2010, que elegeu Dilma.

 

O céu é o limite

Com tantos bilhões do dinheiro público em jogo, o céu é o limite. Para se chegar a ele, crente, agnóstico ou ateu, não é difícil contar dois mais dois para enxergar a Globo montada em quatro cascos de bode como inimigo comum ao governo petista e ao misto de mídia e religião do conglomerado Record/Iurd. Assim, se para o maniqueísmo divino de uns, o universo se divide num conflito entre Bem e Mal, para outros, bem pensantes laicos, por que não continuar dividindo o Brasil como um Mar Vermelho entre pobres e ricos, sulistas e nordestinos, esquerda e direita, nós e os outros?

 

Só 26 de outubro salva

Mas, lógico, tudo pode ser só coincidência, assim como a fé e a suposta razão que se cruzam por via transversa, na cegueira do mesmo radicalismo. A certeza, o Brasil e o mundo acerca dele só terão a partir das urnas de 26 de outubro, daqui a menos de 12 dias. Até lá, veremos o que nos dizem as próximas pesquisas Datafolha, na quarta, e Ibope, na quinta, para governador e presidente.

 

 

Publicado hoje na Folha

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 6 comentários

  1. (Trecho excluído pela moderação) como esavam abandonados o Estado do Rio e a cidade de Campos há doze anos atrás? Folheiem os jornais da época e descubram!
    Sds,

  2. Xico Sá e a Folha de S.Paulo

    Repercutiu, durante todo o dia de ontem, o pedido de demissão do colunista Xico Sá, que escrevia, semanalmente, na Folha de S.Paulo, maior grupo de imprensa escrita do país.

    O motivo, abominável, foi a censura imposta pelo jornal a um texto que revelava a preferência de voto do jornalista na presidente Dilma Rousseff (PT).

    Tanto FOLHA quanto Sá confirmaram a informação.

    Na sequencia, pelo twitter, Xico revelou, em partes, muito provavelmente o tom do que deveria ter ido ao ar em sua coluna.

    Independentemente do teor, não é admissível que um colunista, ainda mais com a independência e importância de quem se trata, não poder, livremente, expressar seus pensamentos e opiniões.

  3. Como pode o Bispo Macedo ficar pregando mentira?

  4. DILMA VEZ POR TODAS, DILMA 13 !!!
    VOTE, (trecho excluído pela moderação)

  5. (Trecho excluído pela moderação) de acordo com a boca de urna do Datafolha, o Garotinho estava 10 pontos na frente de Crivela e no final quem foi para o segundo turno? (Trecho excluído pela moderação) o Instituto Gerp, foi o único que acertou no primeiro turno!

  6. (Trecho excluído pela moderação) de acordo com a boca de urna do Datafolha, o Garotinho estava 10 pontos na frente de Crivella e no final quem foi para o segundo turno? (Trecho excluído pela moderação) o Instituto Gerp, foi o único que acertou no primeiro turno!

Deixe uma resposta

Fechar Menu