Opiniões

Queda dos royalties alegada para vendê-los até 2016 foi de apenas 1% em 2014

Eu penso que
Por Ricardo André Vasconcelos, em 24-11-2014 – 19h33
Orçada em R$ 10 milhões (aqui) as obras da Cidade da Criança receberam acréscimo de mais R$ 6 milhões (aqui) . Investimento só nesta obra é maior que a queda de arrecadação de royalties do petróleo durante todo o ano de 2014.
Orçada em R$ 10 milhões as obras da Cidade da Criança receberam acréscimo de mais R$ 6 milhões. Investimento só nesta obra é maior que a queda de arrecadação de royalties do petróleo durante todo o ano de 2014.
O município de Campos recebeu, até o último dia 21 de novembro, menos R$ 15 milhões em royalties e Participação Especial (PE), comparando com o mesmo período do ano passado. Portanto, não é verdadeiro o argumento de “substancial queda de receita” que embasou o projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal dando à prefeita Rosinha autorização para contrair empréstimo bancário mediante antecipação das receitas futuras de royalties e PE até 31/12/2016.
Com base em informações disponíveis no portal da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o Blog detalhou comparativamente, mês a mês e trimestre a trimestre, todos os repasses realizados de janeiro a novembro de 2013 e de janeiro a novembro de 2014. O resultado, conforme quadro abaixo, mostrou que a queda de arrecadação foi de R$ 15.551.830,98 e só registrada agora no último dia 21, quando o pagamento de Participação Especial foi menor cerca de R$ 26 milhões em comparação a o igual período do ano anterior. Nos demais repasses, praticamente em todos, houve ganho de receita no atual exercício.
Num total de R$ 1.2 bilhão que entraram nos cofres municipais este ano, a queda de arrecadação pouco passa de 1%, ou menos que o custo da obra da Cidade da Criança (R$ 16 milhões), no antigo Parque Alzira Vargas,  ou bem menos que o mais recente aditivo à necessária e interminável obra de duplicação de um trecho da RJ 216 (Campos-Goitacazes), ou seja, R$ 23, 5 milhões).
Veja os quadros detalhados.
Valores em amarelo  – recebidos em 2013
Valores em verde     – recebidos em 2014
Valores em azul        – diferença a maior na comparação 2014/2013
Valores em vermelho- diferença a menor na comparação 2014/2013
quadro 1
quadro 2
quadro 3
quadro 4
Atualização às 1h03 de 25/11: Ainda que sem os quadros demonstrativos, o texto da postagem de Ricardo já havia sido republicado aqui, no Blog do Bastos
fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 7 comentários

  1. Não adianta, na planilha da prefeitura é diferente… Tem os gastos com cabos eleitorais, gastos com propaganda, gastos com “santinhos”, gastos com MP (“MARCOS PAULO”) e assim vai… O rombo é grande, não tem como “tapar”… rs Se o avião preto não vier agora, não vem nunca mais… eee Campos…

  2. Duro é ver como o cara tem a cara de pau de vir a Campos para falar um monte de mentiras para justificar o ROMBO !! Quem deveria fazer isto não seria a prefeita da cidade ? Aliás cadê ela ??

  3. “É CONVERSA MOLE PAR BOI DORMIR…”

    O GOLPE ESTÁ DADO. OBSERVEM OS PASSOS: ELEIÇÃO DE EDSON BATISTA A PRESIDÊNCIA, CONFABULAÇÃO DOS VEREADORES, VINDA DE EIKE BATISTA… ESTÁ NA CARA !!

  4. Gente temos que agir, temos que fazer uma manifestação para dar um basta, nessa (trecho excluído pela moderação) de garotinhos.

  5. Sinceramente; esperava-se alguma coisa diferente dessa conclusão mais que óbvia?
    Mas só AINDA acredito no voto consciente em 2016.
    E olhe lá.

  6. NA SUIÇA E OUTROS PAÍSES DA EUROPA,POR LÁ COM CERTEZA ESTÃO TODOS OS DINHEIROS DESVIADOS PELOS POLÍTICOS DO BRASIL!
    O DESTINO DOS DINHEIROS DESVIADOS DE CAMPOS-RJ NÃO É DIFERENTE!!!!

  7. A prefeita agora assumiu o seu papel de dona de casa mediocre .De onde não deveria ter saido jamais.Xô uruca,pé de pato 3,4.

Deixe uma resposta

Fechar Menu