Opiniões

Pré-estreia de “A Matrioska” nesta sexta no Sesc

Depois de convencer como dramaturgo num universo do qual é íntimo, entre as desventuras das salas de aula, o professor e poeta Adriano Moura tem ambientado suas últimas peças fora dos muros escolares. Talvez o equilíbrio da comédia dando fluidez à tragédia do sistema educacional (e manicomial) brasileiro, em peças como “Diário de classe” e “Meu querido diário”, não tenha se repetido em “O julgamento de Lúcifer”, entre o céu e o inferno superficiais de um talk show.

Por isso mesmo, importante conferir o novo trabalho desse talentoso e múltiplo artista das letras campistas, cuja nova peça, “A Matrioska ou o jogo da verdade”,  premiada no Festival Nacional de Dramaturgia da Federação de Teatro do Estado do Rio de Janeiro (Faterj), tem pré-estreia marcada para esta sexta  (22/05), às 20h, no Sesc-Campos. No palco, nas palavras de Adriano: “Já imaginou um médico que pensa como Jair Bolsonaro, recebendo em sua casa uma atriz decadente usuária de drogas e um advogado gay e seu namorado, para beber, comer e assistir a um jogo do Brasil enquanto as ruas estão tomadas por pessoas protestando contra a taxa de iluminação? As coisas às vezes são o que não parecem”.

Com direção de Fernando Rossi, o elenco traz Caio Paes de Freitas, Daniel Azeredo, Katiana Rodrigues, Liana Velasco e Mayko Gente Boa. Pelo autor, diretor e atores, naquilo que o segundo definiu como “uma comédia corrosiva”, vale a pena a conferida.

 

(Foto de Valmir Oliveira - Folha da Manhã)
(Foto de Valmir Oliveira – Folha da Manhã)

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

Fechar Menu