Opiniões

Pela engenharia da História, onde foi que nos perdemos?

Viaduto Rei Alberto em 1920, quanto foi construído, e em 21 de abril de 2016, desnudo pelo desabamento da ciclovia Tim Maia (reprodução)
Viaduto Rei Alberto em 1920, quanto foi construído, e em 21 de abril de 2016, desnudo pelo desabamento da ciclovia Tim Maia (fotos: reprodução)

 

Na democracia irrefreável das redes sociais, não demorou para que fosse feita a associação entre o viaduto Rei Alberto, construído em 1920, e a ciclovia Tim Maia, inaugurada em 17 de janeiro deste ano da Graça de 2016. O primeiro, erguido em homenagem ao rei da Bélgica que visitava o país naquele início o século 20, teve sua estrutura exposta depois que caiu parte da passarela da ciclovia, ontem, matando duas pessoas e expondo a diferença na qualidade de duas obras separadas por 96 anos.

Se impressiona quantas ressacas já suportou o viaduto de quase um século, diante da fragilidade fatal demonstrada pela ciclovia em pouco mais de três meses, a elegância dos três arcos romanos desnudos da primeira construção remetem a outra, muito mais antiga e também ainda de pé contra a força das águas. Erguida no século I d.C., a Ponte Romana da belíssima cidade de Córdoba, no sul da Espanha, oferece passagem segura há dois mil anos entre as duas margens do rio Guadalquivir.

 

Ponte Romana de Córdoba (foto: reprodução)
Ponte Romana de Córdoba (foto: reprodução)

 

Com seus 16 arcos na mesma sensualidade das curvas do viaduto carioca, a Ponte Romana de Córdoba tem 247 metros, quase a mesma extensão da Barcelos Martins (270 m), sobre o rio Paraíba do Sul. Construída em 1847, a ponte campista também vai muito bem, obrigado.

 

Ponte Barcelos Martins (foto de Rodrigo Silveira - Folha da Manhã)
Ponte Barcelos Martins (foto de Rodrigo Silveira – Folha da Manhã)

 

Desde o tempos dos antigos romanos, cruzando sobre as águas os séculos 19 e 20 até este início do 21, mesmo para quem não conheça nada de engenharia ou História, a pergunta que parece óbvia é: onde foi que nos perdemos? E em nome de quê?

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

Fechar Menu