Pro4 aponta Chicão e causa debandada nos pré-candidatos rosáceos

Ponto final

 

 

A 100 dias do pleito

Encomendada e divulgada pela Folha (aqui, aqui e aqui) homeopaticamente, em suas edições dos três últimos domingos, a pesquisa Pro4 ouviu 620 pessoas das sete zonas eleitorais de Campos, entre os dias 8 e 10 de junho. E, a menos de 100 dias para a eleição de outubro, dos seus números se revelam algumas certezas do tempo presente. A primeira é que a oposição de Caio Vianna (PDT) e dos vereadores Tadeu Tô Contigo (PRB) e Rafael Diniz (PPS), lidera a corrida à sucessão da prefeita Rosinha Garotinho (PR).

 

Contrapartida foi Chicão

Em segundo lugar, independente do nome ou partido, a grande maioria do eleitorado deseja mudança nos rumos do governo de Campos. Em contrapartida, Dr. Chicão Oliveira (PR) é o nome de maior popularidade entre os pré-candidatos governistas. De fato, sua diferença aos demais postulantes rosáceos é tanta, que o vice-prefeito chegou a empatar tecnicamente com os três líderes da oposição na pesquisa, quando esticada quase ao máximo sua margem de erro de 3,9 pontos percentuais para mais ou menos.

 

Ruim no Pro4, pior no Pappel

Por fim, a última certeza que junho deixa neste primeiro dia de julho, a três meses das urnas: é muito baixa a aprovação popular ao governo Rosinha, bem como a confiança do campista na pessoa da sua prefeita. E, neste quesito, os resultados do Pro4 foram reforçados pelos números ainda piores, ao governo, aferidos por outro instituto local, o Pappel.

 

Ruim e péssimo

Em pesquisa (aqui) realizada entre 14 e 22 de junho, ouvindo 3.150 pessoas nas sete zonas eleitorais de Campos, com margem de erro de 3,0 pontos percentuais para mais ou menos, na consulta do Pappel o governo Rosinha foi considerado péssimo por 37,62% dos campistas, ruim para 18,2%, regular para 29,27%, bom para 12,17% e ótimo para apenas 2,74%. Assim, na avaliação popular da administração municipal, enquanto o Pro4 aferiu 43,6% na soma de ruim (14,2%) e péssimo (29,4%), o Pappel elevou esse número para impressionantes 55,82%.

 

Aprovação e confiança

Os números do Pappel foram também mais contundentes contra o governo na resposta popular às perguntas: 1) Você aprova a maneira como a prefeita Rosinha vem administrando Campos? e 2) Você confia ou não na prefeita Rosinha? No Pappel, 71,77% não aprovam a administração, enquanto 75,1% não confiam na prefeita, números mais severos que os do Pro4, que aferiu 62,4% de reprovação à maneira de governar e 73,2% de desconfiança da pessoa da governante.

 

Após “venda do futuro”

O fato é que o impacto dos números foi tão forte, que no dia seguinte à divulgação da última parte da pesquisa Pro4, na edição do último domingo (26) da Folha, os governistas realizaram uma reunião que atravessou a noite de segunda (27) e madrugada de terça (28). Nela, ficou apontada a candidatura de Chicão como a solução mais viável para enfrentar as dificuldades que parecem não ter sido superadas nem com os R$ 367 milhões da terceira “venda do futuro”, consumada (aqui) desde 11 de maio, quase um mês antes das duas pesquisas.

 

Debandada

Outro fato é que, menos de 24 horas após a reunião, o presidente da Câmara Edson Batista abandonou (aqui) a corrida pela Prefeitura, na terça (28). Todavia, na quarta (29), mesmo dia em que esta coluna de opinião revelou o encontro governista, sua pauta e conclusão, os vereadores Mauro Silva (PSDB) e Paulo Hirano (PR) demonstraram tranquilidade ao confirmarem (aqui) à reportagem da Folha as suas pré-candidaturas a prefeito.

 

Se não der…

Se Mauro diz mirar na cabeça enquanto talvez já esteja apontando a vice na chapa — composição fundamental pelo tempo de TV dos tucanos —, Hirano correria por fora, como uma espécie de plano B, pelo perfil semelhante ao de Chicão. Não bastou para que a vereadora Auxiliadora Freitas (PHS) fizesse o mesmo, abandonando (aqui) a disputa majoritária ontem (30), na quinta. No mesmo dia em que o ex-secretário de Desenvolvimento Humano, Thiago Ferrugem (PR), anunciou (aqui) ainda estar na briga à sucessão de Rosinha, mas se não der… vem para vereador.

 

Publicado hoje (01) na Folha da Manhã

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 2 comentários

  1. Decio Barcelos

    Dr. Chicao , e o nome indicado , pelo menino , e o Cavalinho que corre sozinho na pista do meio., ta orelhando pra chegar na frente , este ta eleito , aposta do menino, deu certo.

  2. Marcelo Gato

    A CHAPA IDEAL SERIA A DE CHICÃO COM CAIO DE VICE, OU DE CAIO COM CHICÃO DE VICE. E GAROTINHO ARANDO O BANANAL.
    E ESPERA-SE QUE A PRESIDENTA DA FUNDAÇÃO CULTURAL, APANHADORA DE TRIGO EM CAMPO DE CENTEIO PARA ROSINHA, NÃO PERDURE, CASO CHICÃO VENÇA O PLEITO. NINGUÉM AGUENTA MAIS TANTAS “TIAS ERONS” NA CULTURA CAMPISTA.

Deixe um comentário