Condenado por prostituição infantil no Meninas de Guarus nomeado à Câmara de Campos

 

Thiago Calil das páginas de polícia por prostituição infantil à Câmara Municipal de Campos (Foto: Tércio Teixeira – Folha da Manhã)

 

Condenado na Câmara

Ontem foi publicada em Diário Oficial (DO) a nomeação do novo chefe de gabinete do vereador governista Paulo Arantes (PSDB): Thiago Machado Calil. Condenado por compra de voto no distrito de Vila Nova em 2008, para a então prefeita eleita Rosinha Garotinho (hoje, Patri), na operação Cinquentinha, ele seria depois condenado por crimes ainda mais graves, em caso de evidência ainda maior. No Meninas de Guarus, Thiago foi condenado a 25 anos de cadeia pelos crimes de estupro, associação criminosa, submissão de criança/adolescente à prostituição/exploração sexual, tirar proveito da prostituição alheia e cárcere privado.

 

Fred e Jorginho

Presidente da Câmara Municipal de Campos, o vereador Fred Machado disse à coluna que chamou Paulo Arantes para conversar sobre a nomeação de Thiago Calil, tão logo recebeu seu requerimento. Ele avisou ao colega que aquilo iria gerar reações da sociedade. Mas como a Lei da Ficha Limpa aprovada para servidores do Legislativo só impede a contratação de condenados em decisão colegiada de segunda instância, o que (ainda) não é o caso de Calil, a procuradoria da Casa teria que aceitar sua nomeação. Autor da Lei da Ficha Limpa, o vereador Jorginho Virgílio (PRP) também endossou a explicação do presidente.

 

Paulo Arantes

A coluna também ouviu Paulo Arantes. Além das explicações sobre a legalidade da nomeação, que já tinham sido dadas por Fred e Jorginho, o tucano foi indagado se achava ser moral. Educado, ele respondeu ser natural de Vila Nova e que conhece a família Calil desde criança. Explicou que o convite surgiu quando se encontrou com Thiago na festa do distrito em junho: “Eu tinha a vaga da chefia de gabinete e ele me disse que não estava trabalhando com ninguém. Moral é uma coisa que cada um tem sua forma de pensar. Ele se envolveu nisso (o Meninas de Guarus), junto a várias outras pessoas, por estar no lugar errado, na hora errada”.

 

O que fez Thiago Calil

Paulo Arantes talvez ainda não tenha dimensionado o significado da sua nomeação. Segundo a Justiça, seu novo chefe de gabinete manteve em cárcere privado crianças e adolescentes, algumas entre 8 e 11 anos, para prostituição. Até 15 menores eram privados de liberdade para este fim, em Custodópolis. Eram obrigados por Calil a consumir drogas, que os levava de carro aos locais dos programas sexuais. Os crimes pelos quais foi condenado a 25 anos de prisão atentam contra qualquer senso de moral humana. E, sim, o tornam a pessoa errada no lugar errado. Significam que a Casa do Povo não é o seu lugar. Cabe à sociedade não esquecer.

 

Doação

O Centro de Saúde Benedito Pinto das Chagas, de Quissamã, recebeu ontem a doação de cinco cadeiras de rodas motorizadas destinadas a cinco pessoas com necessidades especiais. Solicitados via processo administrativo e laudos médicos, os equipamentos foram feitos sob medida para cada contemplado e doados pela Prefeitura, por meio da secretaria de Saúde. Participaram da entrega a prefeita Fátima Pacheco (Podemos), a coordenadora da Fisioterapia, Débora Leaubon, fisioterapeutas e familiares dos pacientes.

 

Homenageada

A prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PP), foi condecorada com a honraria “Amigo do Bombeiro”, concedida pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro, através do Comando de Área CBA IV-Norte/Noroeste. O título, destinado a pessoas com serviços prestados à corporação, foi entregue a Carla na última quarta-feira (17), devido à sua contribuição para melhorar e aprimorar a eficiência do trabalho dos bombeiros na região.

 

Terminal de Macaé

As obras do Terminal Central, em Macaé, entraram em nova fase neste mês. Estão sendo montadas no local as vigas longitudinais, com soldas de emendas. Segundo a Prefeitura, o material dará suporte à estrutura metálica para a nova cobertura que será instalada. Os pilares já foram colocados e, simultaneamente, acontece a produção de diversos materiais.

 

Com Matheus Berriel

 

Publicado hoje (19) na Folha da Manhã

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem um comentário

  1. Savio Gomes

    Às vezes, preciso ler e reler, esfregar os olhos, olhar novamente, pra ter certeza de que não estou equivocado! Uma aberração deste tipo é incompreensível, como “dar fé” a um poder público que permite uma aberração assim? Já não espero mesmo muita coisa do atual governo municipal, mas presenciar uma excrescência deste nível não dá pra tolerar! Isto é cuspir na cara dos eleitores!

Deixe um comentário