Opiniões

Trump se despede, ignora “fraude”, e deixa minions de broxa na mão

 

Jair Bolsonaro e Donald Trump (Foto: Alan Santos – PR)

 

Donald Trump acabou agora há pouco seu discurso de despedida da Casa Branca. Durou cerca de 20 minutos. Não falou uma única vez em “fraude” nas eleições presidenciais de 3 de novembro. Que perdeu em uma coça de 306 a 232 votos do colégio eleitoral, e mais de 7 milhões de votos populares de vantagem para Joe Biden. Que ainda levou a maioria na Câmara e no Senado dos EUA.

Ao abandonar o discurso de “fraude” com o qual incitou seus supremacistas brancos à inédita invasão do Capitólio em 6 de janeiro, ao saldo de cinco mortos, Trump deixou órfãos seus propagadores de fake news. Nos EUA e no mundo. Inclusive seu fiel latin cover Jair Bolsonaro.

Pode ter sido por medo da cana dura, pelo crime que Trump cometeu contra a sua própria democracia. Mas o fato é que o “Malvado Favorito” deixou seus minions e suas inacreditáveis fake news, literalmente, de broxa na mão.

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

Fechar Menu