Opiniões

Além de convite a secretário, oposição quer prefeito na Câmara para falar de servidor

 

Josiane Morumbi, vereadora de oposição, na sessão de hoje da Câmara (Foto: Rodrigo Silveira – Folha da Manhã)

 

O recuo (aqui) do governo Rafael Diniz (PPS) na proposta de 4,18% de aumento salarial aos servidores não gerou apenas o convite para o secretário de Gestão, André Oliveira, comparecer na próxima quinta (06) à sessão extraordinária da Câmara Municipal. Foi o que anunciou hoje (aqui) seu presidente, Fred Machado (PPS). Mas antes do início da tensa sessão de hoje, a vereadora de oposição Josiane Morumbi (PRP) também protocolou um ofício na tentativa de convocar o prefeito para explicar ao Legislativo a retirada da proposta de reajuste ao funcionalismo:

— Atendendo aos servidores, que não estavam satisfeitos com o aumento proposto pelo governo, a oposição já tinha proposto na semana passada a vinda do secretário de Gestão. Mas ontem, com o anúncio de que nem os 4,18% seriam mantidos, não foram só os vereadores de oposição que ficaram surpesos, mas também da situação. Por isso protocolei o requerimento para que o prefeito venha à Câmara explicar seus motivos. O presidente Fred, que respeito muito pela maneira democrática de agir, explicou que não colocaria meu requerimento em votação hoje e anunciou o convite a André Oliveira na quinta. Mas vou insistir na convocação do prefeito. Mesmo que sejamos minoria e percamos no voto, espero que meu requerimento seja apreciado na próxima sessão de quarta (05) — disse Josiane.

Abaixo, o requerimento protocolado hoje pela vereadora de oposição:

 

 

Este post tem um comentário

  1. Tem dinheiro sobrando para o esporte,DAS mas falta dinheiro para saúde, educação e reajuste de salário dos servidores, eu duvido se os vereadores fossem da oposição essa situação não seria inversa, isso é uma vergonha.

Deixe uma resposta

Fechar Menu