Opiniões

Transporte e educação lideram as causas dos protestos em Campos

Ônibus lotados e filas de gente querendo entrar, em mais um dia de rotina no terminal rodoviário urbano de Campos (foto de Valmir Oliveira - Folha da Manhã)
Ônibus lotados e filas de gente querendo entrar, em mais um dia de rotina no terminal rodoviário urbano de Campos (foto de Valmir Oliveira – Folha da Manhã)

 

Para os campistas que tem saído às ruas para protestar, o transporte público é o principal problema da cidade, seguido da educação, da infraestrutura urbana, da saúde, da habitação, de benefícios sociais e da segurança. Dos 38 protestos populares registrados este ano em Campos (confira-os, um a um, aqui), 11 deles foram contra a precariedade do transporte público, em pontos fisicamente distantes do vasto município, o que indica a generalização do problema: cinco na Baixada Campista (três em Mineiros, um em Donana e outro em Ponto dos Coqueiros), dois na área central, dois em Lagoa de Cima, um em Santa Cruz e um no Parque Califórnia. Já na educação, outro calcanhar de Aquiles do governo Rosinha, que oferece o pior ensino municipal de todo o Estado do Rio, segundo dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), foram 10 as manifestações. Demandas de infraestrutura urbana geraram sete protestos, seguidas da saúde e da habitação, com três cada; e de benefícios sociais e da segurança pública, cada um gerando duas manifestações.

Além de usar os supervisores municipais para montar uma rede, via WhatsApp, para monitorar e tentar evitar novos protestos, se a tática adotada pelos garotistas-rosáceos for realmente fomentar e jogar a maior luz possível em protestos de cobrança aos serviços públicos do governo estadual assumido este mês por Luiz Fernando Pezão (PMDB), concorrente direto do deputado federal Anthony Garotinho (PR) na corrida ao Palácio Guanabara, a tarefa pode não ser das mais fáceis. Das 38 manifestações de 2013, apenas três poderiam servir a este fim: duas por cobrança de segurança pública e uma (entre as 10 da educação) feita por professores, funcionários e alunos da Uenf, em greve por melhores condições desde março. Mas a imensa maioria dos protestos em Campos são por serviços públicos tão básicos, que fica muito difícil jogar a responsabilidade sobre eles além do colo do município, sobretudo quando não se perde a conta do seu orçamento bilionário.

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 15 comentários

  1. É muito triste essa situação de transporte nesta cidade, só quem depende sabe o que é isso…
    E o pior é vc saber que ninguém do governo está ligando pra isso!!!!!!!!!!!!!

  2. Que, povo passivo, e este aceita tudo, cm maior, paz, sem tomar uma posição bem radical , como nas grandes cidades, mais creio que o povo vai dar a resposta na hora certa. , por. que eles estão sendo atingido direto , ai o sapato aperta, e o eleitorado pode pular, cuidado governantes.

  3. É NÃO TEM MAIS COMO ENGANAR A (trecho excluído pela moderação) DESDE SEMPRE DESTA FAMÍLIA GAROTISTA. NÓS, O POVO CAMPISTA, VAMOS TORNAR PUBLICAS AS MANOBRAS (trecho excluído pela moderação) DESSA CÂMARA PERNICIOSA, NOCIVA À POPULAÇÃO PRESENTEADA DESVERGONHADAMENTE PARA PERVERTER A OPINIÃO PÚBLICA FRENTE AO MINISTÉRIO PÚBLICO QUE NUM CÍRCULO VICIOSO NÃO AGE. ESSA PREFEITA SEM PERSONALIDADE POLÍTICA, SEM RESPEITO AO CIDADÃO CAMPISTA E QUE ATO APÓS ATO DESGOVERNA, COMETE (trecho excluído pela moderação) DE FORMA IMPUNE E QUE VAI COMEÇAR A PAGAR.

  4. É. A “casa caiu”. O povo agora, finalmente, viu o tamanho do erro dando votos a quem não merecia!

    Agora é torcer para que não esqueçam nas próximas eleições, não se iludam com os comícios milionários, com seus “shows” de enganar otários!

    Como não há mais tempo hábil pra “fazer de conta”, até porque já meteram o pau na verba pública com gastos desnecessários, quando se aproximarem as próximas eleições é que verão o que é manifestação popular!

    Nas eleições deste ano e nas eleições de 2006, haverá algo de diferente! Se os políticos pensam que com showzinhos irá convencer a população, estão redondamente enganados!

    Sim, o povo vai aproveitar para se divertir, mas o contexto será outro. Vão querer mais, não propriamente shows e farra, vão exigir o que tem direito.

    Quem viver, verá!

  5. MUITO TRISTE MESMO , ONDE O SLOGAN É MINHA CIDADE MEU AMOR,!!!!!!!!!ACORDA POVO CAMPISTA.

  6. Por mais sem instrução que possam ser, as informações
    atualmente estão bastante acessíveis a muitos e as manobras
    midiaticas estão sendo percebidas.
    Chega de administradores imaturos e ou oportunistas
    que governam,ou pela mídia ou
    por decreto.
    A ingenuidade se foi por mais que alguns ainda tratem a população
    como bobinha.

  7. ACOOOOOOOOOOOOOORDA POVO! É A HORA DE SE LIVRAR DESSA TURMA.COMECEM AGORA EM OUTUBRO E TERMINEM EM 2016.
    PAU QUE DÉ EM CHICO TEM QUE DAR EM FRANCISCO.

  8. Quando a idólatra Marineia Abud perceber a derrocada de seu ídolo Garotinho vai enlouquecer de vez numa negativa absoluta da realidade embaixo de seu nariz (trecho excluído pela moderação), correrá de um lado para o outro da ponte Rosinha agarrada a uma (trecho excluído pela moderação) de seus ídolos e gritando: Eles vão voltar! Vão voltar! Atarantada com a situação, completa: Vão voltar para me levar para o lugar merecedor de suas estadias! É quando (trecho excluído pela moderação) para dentro do valão de coco onde descansará de tanto trabalho para todo o sempre, fechando as aguas morenas do valão e deixando de fora apenas o cume de seu nariz (trecho excluído pela moderação)!

  9. Esta chegando as eleições é hora de avaliar o governo e todos os seus aliados.
    Será que estão cumprindo suas metas de campanha em prol da cidade e da população que os elegeram?
    Estão gerindo seus cargos de forma democrática em busca de crescimento social e melhorias para a população de todas as classes sociais?
    Gente a hora é essa! Quem não mede não corrige…

  10. Poucas vezes tive o desprazer de andar de ônibus ou van nesta cidade. Os ônibus caindo aos pedaços e sem horários certos, as vans nas mesmas condições qto ao estado de conservação e sempre superlotadas. Se estamos sem o cinto de segurança somos multados em nossos automóveis, as vans andam sem cintos e em caso de acidente deve ser uma tragédia, devido a superlotação.

  11. Se a maior parte dos campistas deixassem de ver novelas e lessem mais jornais, se instruíssem mais, nossa atual realidade seria diferente, teriam um olhar crítico e lutariam por seus direitos, mas é sonhar alto diante da grandiosa massa desprovida de atitude que vão em busca de assistencialismo. É degradante.

  12. É um absurdo msm o transporte nesta cidade. A passagem 1 real é pura ficção, já que a pessoa “morre” esperando ônibus e tem q acabar pegando vans superlotadas, fica parecendo salsicha em lata…
    E quanto à educação. Esta não vai adiante nunca com essa gangue no poder. A prefeita “parece” não gostar dos servidores públicos, já que, quase não dá aumento aos funcionários e não gosta de chamar concursados. O que mais faz é comprar o povo com vale gás, “esmola família”, etc.
    Partindo do pressuposto de que um povo sem uma educação de qualidade seja mais facilmente enganado e comprado, para que perder tempo investindo na educação? Não é verdade?

  13. ESTE GOVERNO E O PIOR Q TIVEMOS ATE HOJE, E OBSERVEM SE AGORA Q O MARIDO ESTA PRECISANDO APARECER Q CAMPOS E UM PARAISO ESTA ASSIM,
    IMAGINA DEPOIS DAS ELEIÇOES Q DEUS NOS PROTEJA

  14. A maioria do povo de Campos, tem o governo que merece… Vamos ver se eles vão lembrar da falta de fralda, leite nam e pediatras nos postos de saude, lembrar das horas que ficaram no ponto de onibus a espera de ir para o trabalho; da creche e/ou escola tem não tem professores ou auxiliares e só vão pensar no cheque cidadao, passagem um real, casa morar feliz caindo aos pedaços. Lembrem-se disso em outubro proximo… eeee Campos…

  15. Nós que temos o bom senso e um pouco de educação e conhecimento do que se passa na nossa cidade, deveríamos alertar os menos favorecidos…

Deixe uma resposta

Fechar Menu