Opiniões

Se Rosinha fez auditoria e mais nada, PF e MPF podem ser obrigados a fazer algo

Ponto final

 

 

Nada que não possa piorar

Se a situação do grupo no poder do município há 25 anos ficou muito ruim depois da derrota acachapante, mas até certo ponto anunciada, do ainda deputado federal Anthony Garotinho (PR) na eleição a governador, ela pode piorar, e muito, se for verdadeira a farta quantidade de documentos entregues à oposição. Eles detalham (aqui) uma auditoria interna que teria sido realizada em 2013, por determinação da própria prefeita Rosinha Garotinho (PR), encontrando um suposto rombo nas contas do seu primeiro governo, entre 2009 e 2012, de R$ 109.819.539,37.

 

Avião preto de volta?

Se a sessão de hoje da Câmara não for esvaziada numa manobra da maioria governista, com medo do chumbo grosso do outro lado, a oposição vai colocar a boca no trombone, não só na parte da mídia local ameaçada de processos por parte de quem não consegue comprá-la, como também na nacional, cujo pente é cada vez mais fino aos parasitas que sugam dinheiro público como sangue, capilarizados Brasil afora. E como teria sido constatado o desaparecimento também de verbas federais em Campos, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal podem ser obrigadas a atuar no caso.

 

Perna só 1% mais curta

Entre essas verbas da União que teriam desaparecido no primeiro governo Rosinha, além do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), estariam também os royalties, cujo empenho até o ano de 2016 com instituições bancárias foi sancionado semana passada pela prefeita, mesmo sem precisar valores ou destinação, sob alegação de “substancial queda na receita” das indenizações do petróleo. Pois ontem, o jornalista Ricardo André Vasconcelos, em auditoria própria, comprovou (aqui) que os repasses dos royalties, entre 2013 e 2014, caíram pouco mais de 1%. Até matematicamente, a perna da mentira é curta.

 

Publicado hoje na Folha

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 4 comentários

  1. Muito interessante os trecho “…a Polícia Federal e o Ministério Público Federal podem ser obrigadas a atuar no caso.”.

    E infelizmente é verdade visto que o MP local é visto como leniente pela população campista.

    Sobre a mídia Nacional, já passou da hora de alguém convoca-la para “dar uma geral” em Campos. Com tantos campistas ilustres por este país não é possível que nenhum tenha contatos para isto. Ainda mais do jeito que todos bradam que tem provas das ilicitudes e só não fazem nada por causa do rolo compressor.

  2. Como uma pessoa com um passado nebuloso. sem possuir garantias ,pode conseguir empréstimos?
    Eu gostaria de saber.

  3. Gente, precisa ser levado em rede nacional,essa covardia que a prefeita está fazendo em Campos. São motoristas que estão sem receber há 02 meses, são carros que não podem circular por falta de gasolina, são escola sucateadas, sem bebedouros, sem ventiladores e agora sem cuidadoras novamente, já que estão sem receber seus salários e alguns estão sendo demitidos. Estão fazendo o que querem e o povo esta pagando uma conta cara pela irresponsabilidade, pela (trecho excluído pela moderação) dessa administração. Aí vem dizer que os cortes, a “economia”,é por causa da crise nacional?? Vamos acordar povo!

  4. Covardia com as pessoas que votaram neles ,seus eleitores.

Deixe uma resposta

Fechar Menu