Câmara — Encher linguiça em vez de esvaziar a sessão

Contrária à possibilidade aventada ontem pleo blog (aqui), no lugar de esvaziar a sessão de hoje de manhã, impedidindo sua realização por falta de quórum, a tática da situação foi alongar a discussão da proposta da prefeita Rosinha para integrar os auxiliares de segurança à Guarda Municipal. Logo após a discussão, que tomou quase todas as duas horas da sessão, ele foi encerrada o mais rápido possível, dando pouco tempo à oposição para ecoar da tribuna a condenação do casal Garotinho, pelo TRE, na última quinta, além da divulgação, na sexta, de uma gravação clandestina do ex-governador.

Na nova sessão de amanhã, a previsão do tempo, como o céu que paira sobre a região, é de chuvas e trovoadas.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 2 comentários

  1. andre cruz

    infelizmente no Brasil, a justiça é muito morosa. os conflitos que aconteceram na cãmara hojé, é fruto da instabilidade política que se criou no município, apois a cassação da Rosinha. torço para que se esgotem os recursos rápidos e que novas eleições aconteçam em Campos.
    André Cruz
    executiva do partido dos trabalhadores

  2. jose carlos tavares

    NELSON NAHIN É UM CARA LEGAL , MAS NÃO POSSO DIEXAR DE DIZER QUE ESTÁ PUCHANDO MUITO PRO LADO DA ROSINHA , TUA CUNHADA QUE TE DETESTA !

Deixe um comentário