Opiniões

Pezão e as águas: “Não dá mais para enxugar gelo”

(Foto de Antonio Cruz)
(Foto de Antonio Cruz)

 

“Nos últimos cinco anos, esta já é a terceira vez que venho aqui, por motivo de cheias na região. Não dá mais para a gente ficar enxugando gelo. É preciso que façamos algo defintivo”. Foi isso que declarou ao blogueiro, agora há pouco, por telefone, o vice-governador Luiz Fernando Pezão, que acabou de embarcar de volta ao Rio de Janeiro, após conferir ontem e hoje os estragos das chuvas em Itaperuna e Campos, municípios pólo, respectivamente, do Norte e Noroeste Fluminense, regiões do estado mais afetadas. 

Pezão revelou que, na reunião da última quinta-feira, de Sérgio Cabral com o ministro Fernando Bezerra, da Integração Nacional, o governador entregou à União três projetos, dois deles reivindicando a região como alvo de investimentos federais: o primeiro, no valor de R$ 350 milhões, para atender aos municípios de Itaperuna, Italva, Cardoso Moreira e Laje do Muriaé; enquanto o outro, orçado em R$ 300 milhões, seria só para reconstrução e manutenção dos diques e da rede de canais de drenagem de Campos. O terceiro projeto seria destinado a São Gonçalo.

Enquanto o governo federal analisa os projetos, o vice-governador adiantou que a administração estadual já está tentando levantar com fundos próprios cerca de R$ 45 milhões (inclusos no total de R$ 350  milhões para quatro municípios) que seriam necessários para resolver, em definitivo, os problemas com as cheias em Laje do Muriaé. Segundo ele, o mesmo estaria sendo feito para atender às necessidades de emergência dos 22 municípios fluminenses que já a decretaram, em virtude das chuvas.

Pezão ressalvou ainda que, só após as águas baixarem, será possível fazer o cálculo exato dos prejuízos das cheias em todo o estado do Rio.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 5 comentários

  1. bla bla bla bla bla

  2. gostei da foto, gatos, cachorros e outros bichos mais, juntos, só faltou cristino aureo para completar.

  3. Todo ano é a mesma coisa,só aparecem nesta hora. Manutenção do dique, altertnativas de escoamento etc… nem se ventila, Sóa agora que vem com estas conversas para boi dormir.. Fala sério em politiqueiros

  4. e bla bla bla bla, sem graça né seu Pezão? e mais bla bla bla …..

  5. Que foto ilária!
    Se for liberado de fato verbas a serem usadas para dar soluções aos problemas causados pelas fortes chuvas, fiquem atentos POVO CAMPISTA COM A FISCALIZAÇÃO NO USO DO DINHEIRO PÚBLICO,cuidado com os desv… .
    Esse povinho só constrói coisinhas para pobre,porque segundo eles não precisa gastar muito, pouco satisfaz.

Deixe uma resposta

Fechar Menu