Por Newton, São Paulo, Constituição e Marx, a psiquiatria da democracia

“O grito”, do pintor expressionista norueguês Edward Munch (1863/1944)
“O grito”, do pintor expressionista norueguês Edward Munch (1863/1944)

Não sem algum constrangimento, confesso: não ouço a rádio Diário. Não por outro motivo, só agora, nesta noite de domingo, dia e meio depois, fui saber do que falou na manhã de ontem (25/05), em seu microfone de cabresto, o deputado Anthony Matheus, o Garotinho (PR). Segundo o jornalista e blogueiro Alexandre Bastos (aqui), disse o governante de fato de Campos, mesmo sem ter sido eleito de fato ou direito para tanto:

— Não dá para acender um fósforo (no lugar da vela católica dos santos) para cada pessoa. Se a pessoa toma café comigo e diz que é meu amigo, não pode dar entrevista para a Folha. Ou então, não vai mais tomar café comigo. Isso é democracia. Tem que escolher um lado.

Por raciocínio lógico e caridade cristã, pelo que se pode ler aqui, no próprio blog de Anthony Matheus, o Garotinho, até se deve entender o desespero de quem prevê em tempo curto as consequências inexoráveis da terceira lei de Isaac Newton (1643/1727), referentes ao princípio universal da ação e reação, preconizadas também e muito antes pelo apóstolo Paulo, em sua epístola aos gálatas, ou gauleses, ou celtas, ainda ao primeiro século cristão:

— Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. (Gálatas 6:7)

Como, graças a Deus, ainda é laica a nossa Constituição, aconselha-se ao acossado deputado a releitura atenta do primeiro e segundo parágrafos do Art. 220 da Carta Magna, antes de pretender ditar, em delírio fascista mal disfarçado ou amparado em lei, com quem da imprensa ou não qualquer homem público possa falar:

— § 1º – Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação jornalística em qualquer veículo de comunicação social, observado o disposto no art. 5º, IV, V, X, XIII e XIV.

— § 2º – É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.

Todavia, se for o caso de se rebelar contra o estado democrático de direito, na intenção de contra ele se promover uma revolução em nome de interesses individuais e inconfessáveis, bastariam dois pertinentes alertas de Karl Marx (1818/83), em sua face menos conhecida de jornalista:

— Trata-se de uma afirmação arrogante: minha individualidade é boa, as poucas existências que correspondem à minha individualidade são boas, e a imprensa má e perversa não quer reconhecer tal fato. A má imprensa!

— Quando uma pessoa privada se vangloria de ter inspiração divina, na nossa sociedade há somente um indivíduo que nega oficialmente tal fato: o especialista em doenças mentais!

Atualização de 28/05: Republicado hoje, na edição impressa da Folha.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 18 comentários

  1. Genildo

    Tambem sou insano segundo a opinião acima, acho que Garotinho esta em plena capacidade de sua saúde mental, ate que enfim acordou… E’ impossível tomar café com uma imprensa que e’ capacho das Organizações Roberto Marinho que tem por objetivo manipular a opinião publica reportando matérias incompletas para atingir objetivos pessoais.

  2. jose geraldo

    Ainda bem que escolhi o lado da verdade ao lado do povo e da mídia certa: a Folha, e não preciso tomar café com “quadrilheiro”.

  3. Pamela

    ISSO QUE ELE FALOU NÃO É CENSURA NÃO FOFO. É PRA MOSTRAR PRA MOSTRAR QUE PRA VOCES VENDEREM JORNAL PRECISAM RECEBER VERBA ESTADUAL PARA FALAR MAL DELE

  4. rodrigues

    É contraditório o comentário do Genildo acima criticar a imprensa da Globo , da Revista época dos Marinhos, mas negócios a prefeitura de Campos faz…almejando a grande AUDIÈNCIA QUE A MÍDIA GLOBAL tem, me refiro ao contrato com a empresa global INFOGLOBO , de comunicação pra sair matérias oficiais, tudo relacionado ao GOVERNO!

    PROPAGANDA QUE O GOVERNO ESTÁ UMA MARAVILHA?

  5. Silvio Fontoura

    Fechadinho com a Folha pra próxima eleição hein Zé Geraldo?

  6. edMIL

    É QUE A “FEIJOADA DA PHOLHA” TEM INGREDIENTES PODRES…

  7. Valéria Mattos

    GAROTINHO É O GAROTO QUE NINGUÉM QUER.

    Racha interno

    Deputados do PR garantem que faltam apenas três assinaturas para retirar Garotinho (RJ) da liderança do partido. A pedido do Planalto, o dono do PR, Valdemar da Costa Neto, tenta segurá-lo no cargo.

    http://www.claudiohumberto.com.br/principal/

  8. Ao Genildo, a Pâmela, Silvio Fontoura e ao EdMIL, novamente aqui vocês apresentam o discurso paranoico, digamos assim, do Partido da Imprensa Golpista, ‘importado’ das militâncias petista, do PSOL e do PC do B. É impressionante, como tem gente que insiste nisso. Pessoas que por ingenuidade crê cegamente em lideranças políticas, como se fossem deuses perfeitos. Coisas que não existe. Conceber e acreditar na ideia de perseguição é, nada mais, nada menos, é fazer juízo de valor, sobre algo da qual não tem prova. Alias, militâncias virtuais ou não, recusa ter apreço a realidade, ou seja, vivem um mundo surreal, criado pelos políticos para enganar ou reforçar conveniências. Chega a ser até ridículo o falso raciocínio lógico feito pelos militantes, exatamente por não ter lógica, baseado apenas em questões mais em calunias do que em, pasmem, fundamentos lógicos e originais.

  9. Ao Genildo, a Pâmela, Silvio Fontoura e ao EdMIL, novamente aqui vocês apresentam o discurso paranoico, digamos assim, do Partido da Imprensa Golpista, ‘importado’ das militâncias petista, do PSOL e do PC do B. É impressionante, como tem gente que insiste nisso. Pessoas que por ingenuidade crê cegamente em lideranças políticas, como se fossem deuses perfeitos. Coisas que não existe. Conceber e acreditar na ideia de perseguição é, nada mais, nada menos, é fazer juízo de valor, sobre algo da qual não tem prova. Alias, militâncias virtuais ou não, recusam ter apreço a realidade, ou seja, vivem um mundo surreal, criado pelos políticos para enganar ou reforçar conveniências. Chega a ser até ridículo o falso raciocínio lógico feito pelos militantes, exatamente por não ter lógica, baseado mais em calunias do que em, pasmem, fundamentos lógicos e originais.

  10. Silvio Fontoura

    Se o Planalto quer segurar ele então tá com moral com Dilma.

  11. joao silveira

    Ainda bem que temos esse jornal,eu gostaria de parabenizar aos blogueiros, que estão atento, a tudo para nos informar, eu não sou de ficar postando comentários, mas leio todos os dias e passo as informações para as pessoas que não tem acesso ao jornal.

  12. carlinhos j.carioca

    Que tem pessoas desesperadas devido as suas necessidades,dependencia e incapacidades disso eu sei,mas,amigos alguem achar que o Garotinho “esta´em plena capacidade de sua saude mental”…aí é demais,talvez seja o Suledil “disfarçado”.Menos gente menos seu Batista)personagem da Escolinha!Interessante é que a prefeitura(Garotinho) ADORA A GLOBO É UMA DE SUAS MAIORES PARCEIRAS NO HORÁRIO NOBRE!

  13. Genildo Siqueira

    Prezado Lenieverson e comentaristas de plantão, não sou e jamais fui militante de Garotinho, sou um homem maduro, cidadão campista que acompanha a política local e nacional sem interesses pessoais quanto a favores, assim como alguns sao admiradores de Alexandre, Arnaldo, Renan Calheiros, Cabral, Lula, Dilma e tantos outros, eu opto em reconhecer a Sra. Rosinha como uma mulher capaz e apta a exercer o governo desta cidade, que o diga os resultados nas urnas, o próprio Jornal que permite alguns… Publicarem tantas besteiras, dias atras se não me engano fez referencia de que ela e’ mais bem aceita do que o marido para disputar o governado do Estado, se o mesmo esta em primeiro lugar nas pesquisas, como ela ficaria então?… Vão dizer que o eleitor carioca tambem e’ burro?
    Acho que os interesses pessoais ocuparam o interesse coletivo, quanto ao Carlinhos carioca, tenho personalidade própria e não preciso me disfarçar… Respeito os bloguistas deste jornal, porque mesmo quando não poupamos em expor os nossos pensamentos, eles ainda assim publicam.
    No mais, quero pedir perdão, se feri os sentimentos de alguém ao expor a minha opinião pessoal, mais ninguém vai me impedir de continuar amando a minha cidade e elogiar o certo e criticar o errado, dias atras, fiz severas criticas ao pouco caso do governo municipal em não levar em conta os interesses dos moradores do Parque Imperial que tem que fazer um percurso adicional de mais três kilometros cada vez que tem que ir ao centro da cidade e os usuários de um motel foram privilegados com acesso ao Motel e retorno pela rotatória…

  14. Marcelo Braga Areas

    Genildo a sua maneira de pensar é democratica mas a de se espressar foi um pouco infeliz,dizer que a Rosinha tem capacidade de gerenciar esta cidade,quando todo mundo sabe ,e vc tambem,que quem comanda esta cidade é GAPotinho,mas a democracia nos leva a isto mesmo,i´deias e pensamentos tem que ser livres de expressão,quanto ao artigo do Aluisio,foi SENSACIONAL,demonstrando a PARANÓIA DO GAPotinho.
    Como um homem público,pago com nossos impostos,vem em público,usando uma concessão pública,que ele tambem administrar OCULTAMENTE,e distratar a contituição brasileira descaradamente,é um tirano mental,um cara de pau sem tamanho,a PMCG tem contrato com o grupo Folha,então a partir de domingo ,lá,na PMCG,ninguem mais toma café com ele,que na verdade a forma correta de dizer seria,quem falar com a folha ,não mama mais na teta,é leite e não café.

    Genildo,vc realmente acredita que GAPotinho não sabe nada da GAP,que o dono em um conversa telefonica disse que lá todos amam o Wladmir e que não cobrariam nada pelo dano causado a um carro de luxo da GAP que ele usava,francamente,se vc acredita ai …..

  15. Quando Genildo diz que não é militante garotinista, me faz lembrar um certo conto infantil, se eu não me engano, inglês, chamado Pinocchio, nem precisa dizer porque o nariz do boneco crescia, não é? Comentários como o seu, não me engana.Militantes defendem pessoas com unhas e dentes. Eu prefiro defender incondicionalmente em primeiro lugar, Jesus Cristo, depois a minha família, a Igreja Católica e uns parcos amigos – amigos estes que não são políticos e nem filiados partidários. Rosinha e Garotinho são aceitos da mesma forma que Dilma e Lula, Renan e Henrique Alves, ou seja, aceitos devido a política populista, bolsa família, vale alimentação, passagem disso, passagem daquilo, enfim, a aceitação não é natural e normal. Sobre isso, viu, aumentaram em 50% os salários dos DAS. Não é um escândalo? Genildo, me deixa iluminar um pouco as suas idéias: Campos já existia antes de Garotinho e Rosinha nascerem, portanto, Campos é maior que eles e pode muito bem viver sem eles. Aliás. Genildo, me responda: Onde está escrito que a cidade tem dono?Pode me dizer?

  16. Maria

    O ego centrismo deste pequenininho chega as raias do absurdo.Ele é ridículo como toda a sua família.

  17. Maria

    Aluysio adorei o artigo.Muito bom.

Deixe um comentário