De quando a falta de caráter decide a partida

A vida como ela é

Por Rafael Vargas, em 19-07-2013 – 15h26

O jornalista, escritor e dramaturgo Nelson Rodrigues tinha a capacidade de mostrar, de forma visceral, o que há por trás dos sorrisos falsos, abraços e apertos de mão. “Se você soubesse o que cada ser humano faz entre quatro paredes, não daria a mão a ninguém”, dizia Rodrigues.

Na política, não é preciso ir muito longe para se deparar com personagens com características rodriguianas.  De olho na eleição de 2014, políticos de Campos já começaram a jogar nos bastidores. Neste momento, os principais adversários são os próprios aliados. Inclusive, já tem gente atropelando irmão, colega de partido e buscando alianças com opositores. Mas como diria Nelson Rodrigues: “Muitas vezes é a falta de caráter que decide uma partida. Não se faz literatura, política e futebol com bons sentimentos”.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem um comentário

  1. santos

    Caráter, poucos tem.Estes são abençoados.

Deixe um comentário