Opiniões

Pressão parece ter funcionado: Rosinha agora quer incentivar Fundo de Cultura


Incoerências na Cultura: prefeita sugere destinação de recursos para o Fundo Municipal

Por Lívia Nunes, em 02-08-2013 – 16h28

De acordo com informações do site da Prefeitura de Campos, em uma reunião ontem (quinta-feira, 1/08), a prefeita Rosinha sugeriu a destinação de recursos para o Fundo Municipal de Cultura e a criação de editais. É, de fato, uma boa “sugestão”. O engraçado é que Orávio de Campos — antigo secretário de Cultura e, agora, superintendente — bateu nesta tecla desde que assumiu a Secretaria, que recentemente foi extinta. E, só agora, a Prefeitura se posiciona sobre o assunto.

Vamos recordar: o Fundo de Cultura foi proposto na 1ª Conferência Municipal de Cultura, realizada em 2006; estudado e redigido pelo Conselho e aprovado pelo Legislativo em dezembro de 2010. Com receita principal oriunda da parcela de 0,1% dos royalties do petróleo arrecadados pela cidade, a lei foi alterada sob a justificativa de que o percentual era DEMAIS para a Cultura. Nenhuma outra verba municipal foi proposta para o Fundo. Orávio de Campos continuou, aparentemente sozinho, na luta pelo Fundo.

Recentemente, artistas de Campos se mobilizaram e questionaram a falta de recurso para o Fundo Municipal de Cultura, o que geraria editais. E, agora, a prefeita vem com essa ideia original, que já deveria ter sido posta em prática há muito tempo.

A referida reunião aconteceu no Teatro Trianon com a presidente da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima, Patrícia Cordeiro; o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Wainer Teixeira; e o superintendente de Preservação do Patrimônio Histórico, Orávio de Campos, para traçar as ações culturais que serão desenvolvidas no segundo semestre. Percebe-se a ausência do superintendente do Teatro Trianon, João Vicente Alvarenga.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 8 comentários

  1. Orávio e João Vicente são honrados. Não tem mais como esconder os desserviços prestados pela “presidenta”. São inúmeras situações de desencontros, controvérsias onde SEMPRE ela é a coitada da historia, que estão boicotando o governo, boicotando Rosinha, etc,etc.. A presidenta não cumpre prazos e , no finalzinho quase na hora da apresentação, a presidenta apresenta alguma solução que deixa o Artista agradecido. Entendeu? Provas? Basta rever os procedimentos de contratação qualquer um!

  2. Em seminário realizado por Suledil esta semana, a reclamação de funcionários da secretaria de educação era que muitas escolas estavam deixando de receber verba federal porque as diretoras colocadas não sabiam mexer no computador, mas para surpresa de todos o Sr. Suledil disse que não era para reclamar dos diretores, pois osmesmo são colocados para ajudar a prefeitura de outra forma. Aí foi levantado que um dos casos seria em Ururaí onde a indicação para o cargo é do próprio Suledil. Ainda querem saber porque o IDEB da cidade mais rica da região é o último dentre todas as cidades?

  3. Com certeza será mais um “faz-de-conta”! Dará um ‘jeito’ de fazer de conta de que algo está sendo feito! O que muda será o “como” fazer isto! A prepotente “presidenta” continuará privilegiando uns e desprestigiando outros!

  4. QUE ZONA !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  5. As aulas recomeçam na quarta feira, porem nem todos os alunos assistirão as aulas,porque os Procuradores juntos ainda não acharam a solução para o ERRO. Uma dica: Economizar exonerando todos na Procuradoria que não sejam estatutários e contratar um assistente do Dr. José Paes que o governo andará na linha sem sobressaltos e sem multas pessoais!

  6. Só acredito vendo. São Tomé. Na propaganda oficial, a cidade campos ex-dos goytacazes é um verdadeiro paraiso, a melhor cidade do planeta, na vida real coitada das rosinhas. O Funde de Cultura mofou 4 anos na Câmara para ser lido e re-visto. E não adianta pedir ao seu staff da cultura para defender o governo, porque não existe defesa.

  7. A prefeita quer incentivar?!?! Não seria melhor deixar de “trelele” e partir para as vias de fato. Afinal, ela é a prefeita. Ou não é? Eu acho que o Hugo tem razão, isso é conversa para Inglês vê, se não mudar a “patota”, eles continuarão dando um jeitinho e privilegiando os seus.

  8. E o mais engraçado é começar uma reunião com a “presidenta” patricia e não poder falar na banda a massa… Será por quê??? rs eee Campos

Deixe uma resposta

Fechar Menu