Opiniões

Atrolelamento e morte em frente ao Wal-Mart

A indentidade de Cesar Renato Mendonça França, ciclista morto, diante do Citroen que o matou, guiado por Fabrício Luiz Ongarato (foto de Silésio Corrêa)
A indentidade de Cesar Renato Mendonça França, ciclista morto, diante do Citroen que o matou, guiado por Fabrício Luiz Ongarato (foto de Silésio Corrêa)

 

Diante de outro ciclista, corpo coberto de Cesar Renato Mendonça França, após ser arrastado por mais de 50 metros (foto de Silésio Corrêa)
Diante de outro ciclista, corpo coberto de Cesar Renato Mendonça França, após ser arrastado por mais de 50 metros (foto de Silésio Corrêa)
A bicliceta de Cesar Renato, totalmente destruída após a colisão com o Citroen (Silésio Corrêa)
A bicliceta de Cesar Renato, totalmente destruída após a colisão com o Citroen (Silésio Corrêa)
Falando ao celular, o empresário Pedro Ongarato foi ao local do acidente, onde disse que seu filho tinha saído de casa para ir trabalhar na churrascaria da família, no Shopping Estrada (Silésio Corrêa)
Falando ao celular, o empresário Pedro Ongarato foi ao local do acidente, onde disse que seu filho tinha saído de casa para ir trabalhar na churrascaria da família, no Shopping Estrada (Silésio Corrêa)

Hoje de manhã, na av. Nilo Peçanha, em frente ao supermercado Wal-Mart, o Citröen MRG 4011 atropelou e matou o ciclista cesar Renato Mendonça França, de 46 anos. Ele vinha da rua Abelardo C. Terra, quando tentou atravessar a avenida e foi colhido pelo veículo, conduzido por Frabrício Luiz Ongarato. Seu pai, o empresário do ramo de churrascaria e hotéis, Pedro Ongarato, que foi ao local, disse que Fabrício havia saído de casa para ir trabalhar, na churrascaria da família, no Shopping Estrada. Com a violência da colisão, corpo do ciclista foi arrastado mais de 50 metros, indo parar no cruzamento da Nilo Peçanha com a rua Mario Veloso de Carvalho.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

Fechar Menu