Bairrismo de SJB joga patrocínio ao Cano para escanteio

Tendências políticas à parte, o leitor Albuquerque tem razão em seu comentário (aqui), quanto à conclusão de que as negociações de patrocínio entre o Americano e São João da Barra — reveladas neste blog e depois na Folha — se transformaram num tiro pela culatra, pelo menos para a prefeita Carla Machado (PMDB). Se em nível regional e até nacional, com a transmissão na TV dos jogos da primeira divisão do Estadual, a logomarca sanjoanense na camisa do Alvi-negro de Campos seria um senhor tapa com luva de pelica na face do casal Garotinho, em nível muncipal esta possibilidade gerou forte reação contrária dos vários clubes amadores e do único profissional de São João da Barra, município conhecido por seu bairrismo.

Como, para tentar fazer seu sucessor em 2012, contra um candidato com a força do ex-prefeito Betinho Dauaire (PDT), Carla precisará dos votos sanjoanenses, a idéia de patrocinar o Cano deve mesmo ir para o banco de reservas, por mais tentadora que seja para além das quatro linhas do município.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe um comentário