Opiniões

Expoente: Debate entre Marcão e Hirano é adiado mais uma vez por Edson

(Montagem de Eliabe de Souza, o Cássio Jr.)
(Montagem de Eliabe de Souza, o Cássio Jr.)

Depois que o presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB), cortou a palavra em plenário do vereador Marcão (PT) e encerrou sem maiores explicações a sessão da última quarta, dia 24, engana-se quem pensa que o debate sobre as denúncias do petista sobre a compra de material didático da Expoente (conheça-a aqui) pela Prefeitura de Campos será, enfim, retomado na sessão de amanhã. Segundo disse ao blog o próprio Marcão, após confirmar hoje a informação por telefone com Edson, a última sessão desta semana, antes do feriado do dia 1º de maio, será meramente festiva, em comemoração ao Dia do Trabalho.

Para o edil de oposição, o movimento da situação na Câmara, adiando mais uma vez o debate sobre a polêmica, seria para “tentar jogar água fria” tanto em suas denúncias, quanto nas ameaças feitas aqui pelo líder da prefeita  Rosinha (PR), vereador Paulo Hirano (PR), que cogitou até representar contra o colega de oposição por quebra de decoro parlamentar, acaso este insistisse no tema da Expoente. Todavia, coincidência ou não, a palavra de Marcão foi interrompida por Edson, na última sessão, no mesmo dia em que a edição impressa da Folha publicou documentos apresentados pelo petista: tanto a cópia do Diário Oficial (DO) com a compra de material sem concorrência feita pela Prefeitura a Expoente, destinada aos 1º e 2º anos do ensino fundamental em 2012, quanto documentos do ministério da Educação, que qualquer cidadão pode pesquisar aqui e indicam recebimento pormenorizado de todos os livros enviados gratuitamente pela União a todos as escolas do município naquele ano, incluindo o 1º e  o 2º anos, o que evidenciaria a duplicidade e, consequentemente, o desperdício dos recursos federais.

Confira abaixo, no cruzamento de documentos:

(Clique na imagem para ampliar)
(Clique na imagem para ampliar)

Mesmo com o debate adiado mais uma vez, Marcão garantiu que não irá se calar, seja nesta semana ou na próxima. Em contrapartida, também ouvido pelo blog, Hirano não só baixou o tom da ameaça de representação por quebra de decoro contra o colega, que só poderia se configurar numa “insistência em versões distorcidas sobre os fatos”, como buscou ainda relativizar os próprios documentos do ministério da Educação:

— Esses documentos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação são apenas uma projeção, não um recibo dos livros enviados. E nós também nunca dissemos que não recebemos livros do governo federal, apenas fizemos a compra de um material diferente da Expoente, de maneira complementar.

Indagado, se nada há a esconder nas relações do governo Rosinha com a Expoente, por que Marcão teve seus pedidos de informação sobre as compras relativas aos anos de 2011 e 2012 negados pelo “rolo compressor” governista na Câmara, respectivamente nas sessões de 19 e 26 de março, obrigando o edil petista a se valer da lei federal 12.527, de acesso à informação (conheça-a aqui), para buscar as informações diretamente na Prefeitura, cujo prazo legal para liberá-las se encerra no próximo dia 4, Hirano alegou:

— Não podemos atrapalhar a pauta de  projetos importantes, como a discussão da Lei Orgânica do Município, com interpretações distorcidas de cunho claramente político.

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 9 comentários

  1. E IDEB bem baixinho!!!!!

  2. Nós do OBSERVATÓRIO, só estamos esperando o vereador Marcão concluir o seu trabalho, para solicitarmos dele a farta documentação e encaminhar aos MP’s Estadual e Federal, sugerindo a apuração de possíveis crimes contra a Administração Pública, praticados pela prefeita, como detentora do munus popular e responsável direta pelos seus secretários, via de regra, pessoas de sua mais absoluta confiança para ocupar tais cargos públicos, independentemente de serem solidariamente responsabilizados por eventuais práticas e condutas ilícitas praticadas pela Administração Pública.

  3. Não adianta jogar água fria pois o fogo está alto.
    Nem com inúmeros livros ,nós melhoramos nossa qualidade de ensino: EDUCAÇÃO MUNICIPAL,VERGONHA NACIONAL

  4. É assim mesmo, quando não compram os parlamentares com os rios de dinheiros e vantagens tipos carguinhos para os aliados para perpetução no poder, tentam abafar a voz no plenário com ameaças de quebra de decoro a aqueles que tentam elucidar erros cometidos pela administração pública. Minha sujestão é simples. Não votei no Marcão, mais se preciso for convido a população a usar as redes sociais em nossa cidade, criando um blog de opniões em defesa do mesmo pois está prestando um relevante serviço a população, aliás votei em alguém da situação que até agora não mostrou a que veio

  5. É bom que o Presidente da Casa de leis e os vereadores que militam naquele espaço saberem que a população exclarecida da nossa cidade está de olho, e se preciso for mostraremos a nossa cara nas ruas em defesa da Democracia, pois o tempo de ditadura e cerciamento da voz ficou para trás, se a PMCG não tem o que temer que se exlareça, e se necessário for peça desculpas a população, pois reconhecer erros não é atitude de fraqueza e sim de comprometimento com a verdade. Um governo que se diz comprometido com a verdade não pode ser omisso, mesmo que tenha que cortar na própria carne.

  6. José Geraldo, fazer denúncia no MPE contra esta família é perder tempo, temos um representante do MPE na cidade vendo todas estas cosias escabrosas e não se vê uma representação na justiça contra eles.

    Não digo que o digníssimo não trabalhe, mas que o resultado de seu trabalho não se constitui em ações práticas na justiça que evidenciaria a facilidade com que estas práticas são abrandadas pela justiça.

  7. Nao seria o caso da “excelente” secretaria de educação comparecer e dar o seu depoimento e esse EX”secretario” de saúde mostrar o que foi feito em sua gestão como então secretario de saúde na falta dos leites essencias ? Os veículos muitas das vezes que nao serviam a população ?
    Chega ! Ou será que o “digníssimo” vereador esta muito nervoso, quem nao deve nao teme?

  8. é Leo voce tem razão, eles usam o nosso dinheiro para levar Promotor e Juiz em Brasilia. alguem aí acha que eles farão alguma coisa contra a prefeita?

  9. Samsil vc esta’ coberto de razoes.

Deixe uma resposta

Fechar Menu