Opiniões

Antes de cobrar vereadores, Pudim pediu para Magal e Albertinho não virem à Alerj?

Antes de cobrar atitude dos vereadores no discurso de segunda, fonte governista garante que Pudim pediu a Garotinho para tirar Magal e Albertinho da disputa à Alerj (Rodrigo Silveira - Folha da Manhã)
Antes de cobrar atitude dos vereadores no discurso de segunda, fonte governista garante que Pudim pediu a Garotinho para tirar Magal e Albertinho da disputa à Alerj (Rodrigo Silveira – Folha da Manhã)

 

Em meio às cobranças na reunião do PR da última segunda-feira (05/05), no Automóvel Clube Fluminense, por uma postura mais ativa em defesa do governo Rosinha Garotinho (PR), as que parecem mais ter incomodado, sobretudo aos vereadores da situação, foram aquelas feitas pelo deputado estadual Geraldo Pudim (PR), pré-candidato à reeleição. Por parte do deputado federal Anthony Garotinho (PR), ninguém questionou o direito de cobrança, já que embora muitos vereadores rosáceos também quisessem cobrar mais retorno do governo que defendem, não há questionamentos nem fora do grupo à liderança dentro dele exercida pelo candidato do PR a governador do Rio. Com Pudim, entretanto, a história é bem diferente:

— Pudim pediu para Garotinho retirar as candidaturas a deputado estadual dos vereadores Jorge Magal (PR) e Albertinho (Pros), porque estes concorreriam com ele no eleitorado de Guarus. Magal foi obrigado a se contentar em concorrer a deputado federal, mesmo sabendo ter pouca chance. Para manter os muitos cargos que tem na Prefeitura, o vereador não só aceitou, como ainda vai ter que fazer dobrada com Pudim. Já Albertinho batalha para manter sua candidatura à Alerj, mesmo sabendo que deve acabar sem a vaga. Quer dizer, Magal e Albertinho trabalham na Câmara para defender o governo de Rosinha, mas não podem disputar a deputado estadual para não atrapalharem Pudim, que recebe tudo de mão beijada de Garotinho. E o que Pudim trabalha de fato pelo grupo, ou para construir por conta própria a sua candidatura? Todo mundo sabe a resposta, só não diz para evitar contrariar Garotinho — confidenciou uma das principais lideranças do grupo governista.

Além do discurso no Automóvel Clube, depois da reunião de segunda, Pudim usou as redes sociais para repetir suas cobranças, principalmente aos vereadores governistas, incomodados com as facilidades que o deputado recebe e eles não conseguiram nem uma reunião reservada com Garotinho para também pedirem, nessa última visita a Campos do pré-candidato do governador:

— Tem gente com vergonha de defender? Então vai para casa ou vai para o lado de lá, e isso não é só no governo, é na Câmara de Vereadores também, tem gente se encolhendo lá também na hora que o ‘pau está quebrando’.  Eu sei de onde vim, onde estou e onde quero chegar. Sei o sacrifício que fiz durante minha vida toda e o que esse casal abdicou na vida toda a favor dessa cidade, e na hora que precisa, tem gente que corre para baixo da cama, talvez esperando o que pode acontecer — cobrou Pudim em discurso real e virtual, como registrou aqui o Blog do Bastos, aos seu companheiros de grupo político.

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 4 comentários

  1. VALE A MAXIMA,PAU QUE BATE EM CHICO BATE EM FRANCISCO; DEP. (trecho excluído pela moderação)

  2. Pudim tem medo das urnas,não tem votos por isso não quer disputar com outros candidatos,entretanto só esqueceu de combinar com os eleitores,acho que nem garotinho consegue eleger esse poste.

  3. lembro-me da greve da enfermagem em 1991, onde o quindim compareceu no meu plantão, tentando nos intimidar, a mando do todo poderosinho… desde àquela época, um tremendo puxa (trecho excluído pela moderação).
    antônimo

  4. Enquanto lubrificam e dão polimento nos umbigos, enquanto ficam “babando” e mirando o Poder, o próximo dia 28 volta a focar na questão dos Royalties, e lá se vai a decisão monocrática da Ministra Carmem Lúcia!

    Pelo andar da carruagem, com uma Dilma enfraquecida, por ser ano de eleição, pelo protesto a ser levantado com a caminhada dos Prefeitos dos municípios não produtores no próximo dia 12 de maio em Brasília, o circo vai pegar fogo!

    Preparem pneus, “orquestrem” manifestações, façam greve de fome, invadam e quebrem aeroportos, chamem o Super-Promotor, plantem bananeira, façam o que quiserem, mais desta vez, o buraco parece ser bem mais embaixo!

Deixe uma resposta

Fechar Menu