Opiniões

“Governo Rosinha é o primeiro na história a falir Campos”

 

Por Aluysio Abreu Barbosa

 

A amizade assumida com Wladimir Garotinho (PR) não impede Rogério Matoso de afirmar publicamente uma opinião corrente: o governo Rosinha (PR) faliu Campos. O ex-vereador e pré-candidato a prefeito pelo PMB cobra essa mesma independência da oposição, ao argumentar que esta critica a administração municipal, mas silencia diante aos governos estadual e federal, que considera tão ruins quanto. Ao admitir a fogueira de vaidades na oposição da qual faz parte, ele se diz aberto ao diálogo, desde que este não se dê com “muita boca e pouco ouvido”.

 

Ex-presidente da Câmara e pré-candidato a prefeito Rogério Matoso (foto: Folha da Manhã)
Ex-presidente da Câmara e pré-candidato a prefeito Rogério Matoso (foto: Folha da Manhã)

 

Governo Rosinha — Um governo falido! Entrará para a história por ser o primeiro governo a decretar a falência econômica do município; a dizer que está quebrado. Caótico!

Saúde Pública — Péssima! Ainda falta convocar gente do PSF (Plano de Saúde da Família), do concurso de 2008 feito pelo então prefeito Mocaiber. Rosinha barrigou em seus primeiros anos de governo, até que Nahim (DEM), como prefeito interino, e eu, como presidente da Câmara, o aprovamos em 2012. Faz muita falta, sobretudo na prevenção de doenças. Hoje, falta prioridade, Enquanto temos o Cepop, o Hospital da Baixada (São José) nunca termina as obras. Agora, chegamos ao absurdo dos prestadores de serviço do HGG, gente que vive do seu salário, terem que fazer vaquinha para comprar ar condicionado para a pediatria do hospital.

Candidato do governo — Não consigo identificar ninguém. Se vai ter um, se vai ter dois, ainda não apareceu nenhum. Talvez seja uma mula sem cabeça. Quando se fala em Chicão (PP) ou Paulo Hirano (PP), temos que lembrar que foram eles que estiveram à frente da Saúde da qual estávamos falando há pouco. Mauro é um sujeito bom, mas está sem partido (se filiou ontem, horas após a entrevista, ao PSDB). As questões têm que ser bem definidas.

Oposição — Tem seu papel. Mas quando a gente vê também um governo estadual no qual a educação não funciona, com a Escola Agrícola (Antônio Sarlo) parada, o Liceu parado; com problemas para pagar bombeiros, PMs e professores; e você não vê uma oposição com independência para reivindicar ao governador em nome da população, temos que questionar que papel é esse. A própria venda do futuro por Rosinha e Garotinho (PR), que foi ostensivamente criticada pela oposição, não mereceu nenhuma palavra quando feita por Pezão (PMDB). E o governo de Dilma? Prometeu em campanha que não ia mexer na conta de luz com a qual sangra tomo mês o cidadão, o comércio. Aparelharam o Estado para controlar de forma ditatorial o Brasil. E roubalheira generalizada na Petrobras, que afeta diretamente o coração de Campos? Os governos estadual e federal são tão ruins quanto o de Rosinha. A crítica não pode ser seletiva.

Governista travestido de oposição — É um papel horrível. Mas eu não vou ficar pautando minha atuação em relação ao adversário. Acho que a gente tem que ser coerente na crítica, sem ser seletivo. A liberdade de expressão tem que ser exercida com independência.

Amizade com Wladimir — Sempre foi meu amigo, mas nunca caminhei com ele politicamente. Acho que temos que falar de projetos, não de pessoas. Consigo respeitar a amizade, mesmo quando tenho opiniões divergentes. O governo da mãe dele é muito ruim. Campos precisa ir mais longe. Mas nossa batalha se dá nas ideias, não entre pessoas.

Diálogo — Na hora certa, vai acontecer. A oposição ainda tem que conversar muito. Não me nego a conversar com quem mais está na oposição. A gente só não pode achar que vai se unir em torno de um adversário comum. Temos que ser mais.

Fogueira de vaidades — Existe! A gente tem que falar o que realmente acontece. Para debelar suas chamas, temos que ter equilíbrio, nos reunindo em torno de um plano, de maneira coerente. Estou aí para conversar, mas desde que esteja todo mundo de guarda baixa. O que não pode é ser muita boca e pouco ouvido.

 

 

 

´Página 3 da edição de hoje (26/02) da Folha
´Página 3 da edição de hoje (26/02) da Folha

 

 

Publicado hoje na Folha da Manhã

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 16 comentários

  1. Pela primeira vez em Campos vejo alguém lúcido, fazendo as críticas pertinentes, de “guarda baixa”, sem defender o indefensável, nem atacando por atacar. Não faz politicagem barata, com opiniões pré concebidas. Não santifica nem “demoniza” ninguém. Parabéns Rogério, conheço você de falar “oi” na rua. Vou prestar mais atenção no que fala. Grata surpresa.

  2. Este governo não liga para nós.

  3. Mais um que quer colocar a mão na massa falida. nunca vi tanta gente querendo por a mão em conta para pagar.

    Seria bom se fosse um consenso da oposição para realmente promover uma virada nesta política imunda que só índio passivo desta planície aguenta.

  4. remendado falando do rasgado.

  5. Isso nao e novidade.. Ia acontecer msms
    Nao sei pra qe colocou essa mulher
    Por isso nao votei e nao voto nunca.

  6. Rogério Matoso esta achando que governa campos é um “quartel do chopp” ,mesmo usando um “sistema bruto” ou governando no “rancho da ilha” não vejo como esse rapaz pode acrescentar nada ao nosso Município.

  7. Muito bom Rogério, vamos lhe observar melhor, a partir desse momento, você começa a ganhar confiança, mas ainda é cedo pra dizer que estamos com você, pelo fato do ditador e centralizador de poder, enganarmos com brigas de quem são seus verdadeiros amigos, pra confundirmos e votarmos no suposto oposicionista e ele continuar a ditar o jogo. Exemplo de Albertinho e Magal que fingiram estarem brigados e agora todos são amigos novamente, não estamos acreditando também nessa briga dele com o Pudim. Mas de qualquer forma, você está tendo a nossa confiança.

  8. AFINAL DE CONTAS! NESTA DROGA E CIDADE TEM OU NÃO TEM JUSTIÇA? SE TEM ONDE ELA SE ENCONTRA? PORQUE AS COISAS DAQUI DE CAMPOS DOS GOYTACAZES, ENVOLVENDO PREFEITURA E JUSTIÇA, NUNCA FICAM BEM CLARAS EM RELAÇÃO AO POVO? TÍTULO DE ELEITOR PARA PROVAR QUE EU MORO AQUI EM CAMPOS E TER DIREITO AO CARTÃO CIDADÃO ? QUEM INVENTOU ESTA PALHAÇADA? NÃO VOTO AQUI MAS MORO AQUI E PAGO OS MEUS IMPOSTOS. SE A PREFEITURA RECOLHE OS MEUS IMPOSTOS COMO MORADOR, OS MEUS DIREITOS COMO CIDADÃO TEM QUE SER PRESERVADOS. NÃO É MESMO SENHORA JUSTIÇA? O QUE PENSA O SENHO PROMOTOR DE JUSTIÇA DA TUTELA COLETIVA SOBRE ESTE ASSUNTO EM QUESTÃO, O SENHOR MARCELO LESSA?

  9. Mauro e Rafael Diniz seria uma boa opção.
    Conheço pouco o Mauro, mas me parece uma pessoa capaz, pena que está ao lado de um ditador.

  10. Calma gente, menos folha da Manhã e menos Sr. Rogério, posso falar assim porque tenho essa liberdade e nenhum rabo preso com este ou aquele grupo. Campos está falida não, o Estado do Rio está falido e sabem que o faliu? Sr. Cabral, ah, o Brasil também e sabem quem faliu? o PT do Lula e a Dilma deu continuidade. Vamos criticar com responsabilidade, critiquemos, apontemos os erros mas apresentemos possíveis soluções.
    Ratificando, não pertenço a nenhum grupo político, sou apenas cidadão e tenho liberdade para me manifestar ok?

    1. Melhor, caro Luiz Henrique Ribeiro Tavares, até para se poupar de constrangimentos, leia melhor uma entrevista que pretende comentar, antes de fazê-lo. Nivelar a falência de Campos, por Rosinha e Garotinho, com a do Rio, por Cabral e Pezão, e a do Brasil, por Dilma e Lula, é justamente o que Rogério não só fez, como cobrou o resto da oposição local a tb fazer.

  11. Mérito da dinastia garotinho para a região.
    . Sucateamento do transporte público de Campos
    – antes funcionava, por mais criticas que tivesse.
    Fim do carnaval popular
    . As manifestações estão acabando , não tivemos carnaval ano passado. Praia abandonada e sem organização.
    . fim do esporte profissional e amador da cidade
    – as áreas públicas que poderiam ter quadras, campos, pistas e equipamentos esportivos para o cidadão não existem.as equipes profissionais estão sem incentivo. outros esportes não recebem apoio. O futebol de Campos que deu grandes nomes ao Brasil está a mingua.
    3 grandes exemplos do que a cidade perdeu de identidade apesar dos bilhões de royalties recebidos nas últimas décadas.

  12. Quem tem telhado de vidro não joga pedra no telhado dos outros.

  13. Mocaiber tb já fez isso!

  14. Eleitor q vota em governos populistas não tem direito de reclamar qd seu munícipio, estado ou país, ficam economicamente falidos!!!

  15. (Trecho excluído pela moderação) atacam tanto Rosinha e Garotinho e o grupo político liderado por eles será que Campos só tem isso como notícia e os pré candidatos da oposição não seria melhor vcs falarem do que vcs já fizeram pela cidade do que ficar atacando eles ou será que vcs nunca fizeram nada pela cidade

Deixe uma resposta para marcondesvinicius Cancelar resposta

Fechar Menu