Sexta-feira 13: falta de teto adia viagem de promotor de Campos a Curitiba

(Infográfico de Eliabe de Souza, o Cássio Jr.)
(Infográfico de Eliabe de Souza, o Cássio Jr.)

 

 

 

A sexta-feira 13 não trouxe sorte. Mas não há azar que nunca se acabe. Devido à virada do tempo, a viagem do promotor estadual de Campos Leandro Manhães a Curitiba (PR), onde ouviria hoje o executivo Marcelo Odebrecht, preso na operação Lava Jato desde 19 de junho de 2015, foi cancelada por falta de teto. O reagendamento da entrevista para investigar as relações da maior empreiteira do país com o governo Rosinha Garotinho (PR), do qual levou quase R$ 1 bilhão dos cofres públicos do município nas duas etapas do “Morar feliz”, ainda não foi feito com a carceragem da Polícia Federal (PF) da capital paranaense.

Para saber maiores detalhes do objeto da investigação do Ministério Público Estadual (MPE) goitacá, confira aqui.

 

 

 

 

 

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem um comentário

  1. Savio

    Pra uns, falta “teto”, brevemente, para outros, faltará “chão”. Quem viver, verá!

Deixe um comentário