Mais perto de Caio, PT deve dividir seu apoio com Rafael para outubro

Ponto final

 

 

“Criança” encomendada?

O que significa de fato a foto tirada e postada ontem, (aqui) nas redes sociais, por Caio Vianna, pré-candidato do PDT à Prefeitura de Campos, de mãos dadas com o folclórico Washington Quaquá, prefeito de Maricá (RJ) e presidente estadual do PT? Pode até significar (aqui) que, além do namoro assumido, as núpcias foram previamente consumadas. Fruto dessa união, a “criança” já pode ter sido até encomendada. Mas as alianças ainda não foram trocadas diante do padre, pastor ou juiz de paz.

 

Sem dança de maluco

Como esta coluna havia adiantado (aqui) desde o dia 2 deste mês, apesar do seu tremendo desgaste junto ao eleitor e da previsão de debandada interna em novembro, o PT ainda é desejado para disputar as eleições de outubro, por seu generoso tempo de propaganda. Em Campos, vinha sendo cortejado por três pré-candidaturas a prefeito: a de Caio, a do vereador Rafael Diniz (PPS) e a de quem quer que seja o escolhido pelo governo Rosinha Garotinho (PR) — disputa que, excetuado quem bate palma para maluco dançar, sempre esteve restrita (aqui) ao vice-prefeito Dr. Chicão (PR) e aos vereadores Paulo Hirano (PR) e Mauro Silva (PSDB).

 

Planalto na planície

Mesmo que Mauro hoje talvez tenha chance real (aqui) apenas como vice, a necessidade de ter o tempo de propaganda também generoso do seu PSDB na chapa governista, acabou fazendo os rosáceos desistirem do PT por exigência tucana. E esses reflexos da intestina conjuntura nacional, a partir do afastamento da presidente Dilma Rousseff, passaram também a afetar diretamente os demais pretendentes locais. Rafael, do PPS, partido desde o início à vanguarda do impeachment, foi prejudicado. Em contrapartida, Caio saiu beneficiado por pertencer ao PDT, um dos últimos aliados que restaram à estrela cadente petista.

 

PT tem Anomal, mas…

Bem verdade que o PT tem pré-candidato à sucessão de Rosinha. Mas Hélio Anomal teria ainda menos chance a prefeito do que Dilma de voltar à presidência. Presidente municipal da legenda, André Oliveira defende, no entanto, a candidatura própria, para marcar uma posição com vistas a 2018, na esperança do improvável retorno messiânico de Lula. Mas admite que as negociações presentes com o PDT, que reserva o intempestivo Ciro Gomes como opção presidencial para daqui a dois anos, estão bastante avançadas em nível regional, a favor da aliança com Caio para 2016.

 

De novo 2004?

Como esta coluna também revelou (aqui), tanto Rafael quanto Caio foram sabatinados pela executiva municipal do PT, respectivamente, nos dois últimos sábados (02 e 09). E embora o segundo impressione pela articulação em alguém que nunca exerceu cargo público, o desempenho do vereador chegou a fazer muita petista goitacá lamentar sua pré-candidatura ser pelo PPS. Ainda assim, é quase certo que, prevalecendo a tendência de aliança oficial com Caio, vá se repetir entre ele e Rafael a mesma divisão do PT no pleito municipal de 2004, quando parte do partido apoiou Carlos Alberto Campista e a outra, caminhou com Paulo Feijó.

 

HGG em choque

Fundado para ser a referência no atendimento de quem vive na margem esquerda do rio Paraíba do Sul, o Hospital Geral de Guarus (HGG) há anos passa por um processo de sucateamento e é alvo constante de denúncias, tanto de quem frequenta o local, como de quem trabalha. São inúmeros os descasos, mas nenhum supera as mortes ocorridas e atreladas à falta de estrutura, como a mostrada (aqui) na página 8 desta edição.

 

Choque no HGG?

Dias desses, o marido da prefeita Rosinha disse que, a pedido dela, ia dar plantão nos hospitais públicos, citando o HGG e sem poupar crítica à administração da unidade. Prometeu um choque de gestão e que “não adianta ter dinheiro se não tiver uma boa administração”. Discurso de quem teve quase oito anos para fazer isso, mas, só agora, às vésperas da eleição, dá dica a quem vai às urnas: “não adianta ter dinheiro se não tiver uma boa administração”.

 

Com a colaboração do jornalista Rodrigo Gonçalves

 

Publicado hoje (13) na Folha da Manhã

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Este post tem 20 comentários

  1. savio

    O Rafael também vai dar “varada n´água”, aceitando “apoio” do PT?

    Se fizer isso, é tudo que os “rosáceos” vão querer!

    Tudo que envolva o PT resulta em suicídio político.

    Particularmente, eu não voto em ninguém que se relacione ao PT, nem se Jesus Cristo pedisse!

    1. Aluysio

      Caro Savio,

      Respeito sua posição, sofrendo como todo o brasileiro esta recessão sem perspectivas na qual o PT mergulhou o Brasil, mas me permita dizer que há gente de bem no partido em Campos. Pré-candidato a vereador, o Professor Alexandre Lourenço, por exemplo, deve apoiar Rafael. E, ainda que não seja imune aos mesmos sintomas de maniqueísmo e negação da realidade que compõem a patologia petista, é um sujeito sério e bem intencionado.

      Abç e grato pela chance do debate!

      Aluysio

  2. Paulo Henrique

    Talvez o Savio esteja contaminado pelo extrema reacionária que busca no PT um demônio da corrupção e mesmo após o governo do PMDB assumir interinamente e com ele também as grandes revelações de corrução no só pelo Cunha, Moreira Franco, Padilha, Jucá, Sarney e etc, fora o PSDB, DEM, PP e vários outro partidos envolvidos, ainda não foi suficiente para o Savio entender que a sigla partidária por si não é corrupta, mas os que se nutrem dos bens públicos. Fica a reflexão.

    1. Aluysio

      Caro Paulo Henrique,

      Com PMDB e PP como cúmplices, o PT liderou, sim, o maior esquema de corrupção não só do Brasil, mas talvez já registrado na história universal. Não inventou nada, é verdade, mas sistematizou e ampliou em escala geométrica o que já existia, a exemplo talvez de uma linha de montagem de São Bernardo do Campo, “como nunca antes na história deste país”. E, de quebra, no trocadilho pobre, quebrou o Brasil. Ainda assim, é fato, o monopólio da corrupção não é do PT. Talvez só seu nome, apenso ao verbete, no livro Guinness dos recordes.

      Abç e grato pela chance da reflexão!

      Aluysio

  3. J CLAUDIO

    Caros leitores,bom dia!
    Savio,descordo com vocẽ,O PT é o melhor partido no momento,se você.acesa internet,cimento a 20 reais a saca,o filho(a) do trabalhador formado em faculdade,empreendimento do porto do AÇÚ,GERANDO MILHARES DE EMPREGO ,POLICIA FEDERAL,prendendo os coruptos,isso nunca aconteceu com os outros partidos politicos !

    Esse e o partido ruim que você diz !

    1. Aluysio

      Caro J Claudio,

      Tempo de propaganda eleitoral e exceções individuais à parte, “o PT é o melhor partido do momento”? Com todo o respeito, mas em que planeta vc vive?

      Abç e grato pela chance da indagação!

      Aluysio

  4. J CLAUDIO

    PREZADO,ALUYSIO BOM DIA!

    EU VIVO NO MESMO PLANETA QUE VOCÊ VIVE !

    1. Aluysio

      Caro J Claudio,

      Com todo o respeito, difícil crer.

      Abç e bom dia!

      Aluysio

  5. Savio

    Meu caro Paulo Henrique.

    Você está muito enganado!Muito antes de repudiar o PT, tenho aversão pelo PSDB! Quer saber porquê? Porque fui um funcionário de carreira dentro da Embratel, onde dediquei 30 anos da minha vida! Ali presenciei brasileiros que como eu, trabalhamos com orgulho e dedicação implantando as Telecomunicações no Brasil. E o que aconteceu, você se lembra? A Embratel foi vendida para os estadunidenses por um valor ridículo, equivalente a 1% do seu valor real! Hoje, ela pertence a um empresário mexicano.

    Lembra da divulgação na época, de um “grampo” entre o presidente da república (PSDB- FHC) e o Mendonça de Barros? Se não lembra, pesquise no Google.Lembre aqui: https://pt.wikipedia.org/wiki/Esc%C3%A2ndalo_do_grampo_do_BNDES

    Você tem acompanhado o que está ocorrendo com uma outra empresa de Telecomunicações nos dias de hoje, com um rombo de 62 bilhões? Pois é, novamente envolve “gente pesada” da política brasileira, e procure saber os “fundamentos”!

    Logo, ao contrário do que você pensa, sou bastante lúcido e bastante atualizado com a realidade política no Brasil.

    Por exemplo, sou amigo pessoal do Dr. Makhoul, aliás, amigo de infância, tenho profunda admiração e respeito por ele, mas quando ele no PT só dei meu voto pra fazer a diferença, não queria ter um peso na consciência, mas, disse pra ele a minha impressão sobre o partido, do qual, ao que eu sei, ele se desfiliou.

    Não desconheço todas as denúncias sobre todos os políticos, de todos os partidos, mas, sinceramente, talvez ainda ache que exista este ou aquele político confiável, mas é muito difícil.

    O que meu senso de realidade mostra, é que há milhões de brasileiros desempregados, aposentados sem receber seus vencimentos, governantes gastando com um monte de inutilidades, empresas de renome e tradição sendo roubadas, fundos de pensão sendo dilapidados, e por aí vai. Não tenho como aplaudir esta gente, seja lá de qual sigla for.

  6. J CLAUDIO

    Prezado amigo Aluysio,bom dia !

    Politica e assim mesmo,cada um com seu gosto politico !

    Muito Obrigado, grande amigo.

    Abraço FICA COM DEUS !

    1. Aluysio

      Caro J Claudio,

      Com boa parte da sua cúpula atrás das grades, com todo o respeito, vamos combinar que o PT nacional excedeu a política para se transformar, já há algum tempo, em caso de polícia.

      Abç e boa noite!

      Aluysio

  7. Savio

    Só mais uma pequena reflexão (até filosófica):

    Sim, “siglas partidárias” são só inocentes letras, ainda que a intenção seja para que eles se tornem ícones!

    __Mas, o problema não está na “sigla’, está nas pessoas que nas siglas se aboletam e a tomam como suas, aí, as letras perdem o seu “caráter inocente” e passam a ser uma ameaça, já viram este “filme” em algum lugar, e em algum partido, em especial?

  8. Savio

    Correção… “que elas se tornem ícones!”

  9. carlinhos j.carioca

    Muito legal o debate num nível bom e de respeito mútuo!Eu sinceramente,apesar de pouco conhecimento politico,não sou a favor de nenhum partido,até porque hoje ELES não tem mais nenhuma credibilidade,são simplesmente objetos de barganhas e negociatas,muito usado pelos politicos onde trocam de partidos como se trocam de camisa,a não ser aqueles que se beneficiam diretamente com “cargos vitalícios”.Agora to muito preocupado com essas negociações partidárias aqui em Campos,já que eu sonho com mudanças,entretanto,as minhas aspirações estão indo por água a baixo,pela MISTURA DO NOVO COM OS VELHOS CACIQUES.Mas vou aguardar um pouco,chega de Campos ficar a merce de um grupo. Se voltarmos o tempo,digamos,20 anos e olharmos para a nossa prefeitura o que mudou,se as peças continuam “quase as mesmas”,ou seja se trocou “seis por meia dúzia”,sem choque de ordem,contratação irregulares,aumento de comissionados e secretariado e por aí vai.O problema é o tal da ACOMODAÇÃO PESSOAL que cada partido exige ao fazer os “acordos”,isso sim é que é o fator primordial e responsável por essa politica mesquinha que impera no País e que Campos,infelizmente não é excessão! abs

  10. andre rodrigues

    jose claudio não perca seu tempo com manipulados, afinal de contas garotinho,rosinha,sergio cabral,dorneles,renan, eduardo cunha cunha entre outros não sao do pt e o povo emn outubro e que vai avaliar e não os ditos entendidos de politica da net.

    1. Aluysio

      Caro Andre Rodrigues,

      Garotinho, Rosinha, Sérgio Cabral e Eduardo Cunha foram todos aliados do PT federal. Com o PMDB fluminense dos dois últimos, que quebrou o Estado do Rio, a fidelidade era canina, desde os tempos de Lula. Já com o casal rosáceo, o governo Dilma se notabilizou, no tardio apagar das suas luzes, por arranjar via Caixa Econômica Federal a “terceira venda do futuro” de Campos, de R$ 367 milhões, empenhando as receitas do município até 2026, em troca da vergonhosa ausência da deputada federal Clarissa Garotinho (PR), grávida, da votação da Câmara Federal que aprovou o impeachment da presidente. Não perca tempo, pois, tentando manipular a si mesmo, posto que aos outros, diante dos fatos, é impossível.

      Abç e grato pela chance dos esclarecimentos devidos!

      Aluysio

  11. Gil

    MEU CANDIDATO É RAFAEL, EM QUALQUER PARTIDO. TODOS OS PARTIDOS TEM MUITA GENTE. IMPOSSÍVEL SEREM TODOS HONESTOS. VOU VOTAR PELA PESSOA QUE ELE É.

  12. nildo

    O Arnaldo como está todo enrolado na justiça, e não pode vim como candidato, quer usar o nome de seu filho para ver se volta prá prefeitura de novo. Eu queria que ele explicasse porque até hoje ele não conseguiu limpar seu nome. É certo que ele não tem chance de ganhar porque os eleitores dele são os beneficiários do cheque cidadão, bolsa disso e bolsa daquilo, e funcionários terceirizados, e esses não tem ideologia politica, votam em quem está no poder, não importa quem seja. E as pessoas mais esclarecidas e politizadas, não vão votar nem em um e nem no outro. Eu acho que estamos sem ter em quem votar. Não temos nenhuma opção que mereça o nosso voto.

  13. Paulo Henrique

    Parabéns Aluysio pelas moderadas intervenções, eu passei a admirar o PT pelo governo inclusivo adotado pelo Lula, mas abomino os burocratas do PT, que não conseguiram fazer diferente da forma que o governo de FHC fez, utilizando até mesmo dos mesmos doleiros(Alberto Youssef,entre outros) para fazer a sujeira.

    1. Aluysio

      Caro Paulo Henrique,

      Qd fundamentaram os princípios do debate dialético, os antigos gregos ressalvaram que a ironia só deveria ser usada caso o interlocutor e seus argumentos não merecessem ser levados a sério. Parabéns, pois, a vc, que está prenhe de razão: foi culpa do FHC!

      Abç e grato pela chance da concordância!

      Aluysio

Deixe um comentário