Opiniões

Carla sacode tabuleiro da eleição, mas antes tem eleição da mesa

 

 

 

 

Carla sai ou fica?

Carla Machado (PP) deixará a Prefeitura de São João da Barra (SJB) para se candidatar às eleições legislativas de outubro? E, se o fizer, será pré-candidata a deputada estadual ou federal? Ouvida por jornalistas da Folha da Manhã, a começar pelo sanjoanense Arnaldo Neto, primeiro a divulgar (aqui) a novidade, Carla admitiu a possibilidade. E ao blog “Opiniões”, hospedado no Folha 1, ela disse ontem (aqui) que tomará sua decisão na sexta (06).

 

Federal ou estadual?

Caso decida renunciar para poder assumir uma pré-candidatura, Carla deixou esta aberta: tanto poderia ser à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), quanto à Câmara Federal. Especula-se que por seu partido, o PP, um candidato a deputado estadual precisaria de 40 mil votos para se eleger, enquanto um a federal, de 60 mil. “Embora para deputado estadual pareça ser mais fácil, por precisar de menos votos, você os disputa com mais candidatos. A dificuldade pode ser a mesma”, avaliou a prefeita, evitando falar de números.

 

Marcão e Wladimir

Se decidir mesmo deixar a Prefeitura sanjoanense, que ocupa pela terceira vez, uma coisa é certa: a novidade mexerá com todo o tabuleiro regional às eleições de outubro. Se Carla mirar em Brasília, o principal afetado seria o presidente da Câmara de Campos, vereador Marcão (Rede). Pré-candidato a deputado federal, ele aparecia até agora como o nome regional de maior densidade para disputar uma vaga ao Congresso Nacional com Wladimir Garotinho (PRP). Contra Carla e Marcão, estes dividiriam os votos do sempre popular antigarotismo, enquanto o filho do casal correria sozinho na mão oposta do eleitorado.

 

Dauaire e Machado

Por outro lado, se decidir renunciar como prefeita para concorrer à Alerj, Carla iria afetar diretamente a pré-candidatura à reeleição do deputado estadual Bruno Dauaire (PR, de saída ao PRP). Assim, no lugar de um aliado (Marcão), ela atingiria o jovem representante do clã que há décadas tem como adversário em SJB. Em contrapartida, especula-se a possibilidade do irmão da prefeita sanjoanense e vereador de Campos, Fred Machado (PPS), também  se lançar à Alerj.

 

Força eleitoral

Como dentro ou fora da família Machado ninguém cogita ter dois irmãos disputando o mesmo voto, o vereador Abu (PPS) poderia herdar de Fred a pré-candidatura a deputado estadual — e a tarefa de enfrentar Carla. O que isso significa? Num PT enfraquecido pela fraca campanha do senador Lindbergh Farias a governador, em 2014, para deputada estadual, Carla fez 24.849 votos. Destes, 8.853 foram em SJB, 11.312 em Campos e 2.282, em São Francisco de Itabapoana. Se ela conquistou, respectivamente, 33,7%, 4,6% e 9,6% do eleitorado desses municípios, governados à época por adversários, o que faria agora com três prefeitos aliados?

 

E Rosa?

A questão é: se deixar a Prefeitura para seu vice, Alexandre Rosa (PRB), Carla continuaria tendo nele um aliado? Ela garante que ambos amadureceram, teriam diálogo e não repetiriam os “erros do passado”. De 2009 a 2011, eleito vereador na reeleição da prefeita, Rosa se aliou à oposição e chegou à presidência da Câmara. O acirramento foi tanto que, no verão de 2011, SJB ficou sem promover seus tradicionais shows de verão. Bem verdade que depois ele voltou ao governo, chegando a ser agredido com um soco na cara por quem abandonou. Depois, em 2012, foi eleito como vice de Neco, que rompeu ruidosamente com Carla.

 

Antes, a mesa

Entre lembranças do passado e especulações sobre o futuro, há quem aposte que a posição da prefeita será determinada pelos eventos do curto calendário até a decisão desta sexta. Amanhã, quarta-feira (04), enquanto o país vai parar para assistir ao julgamento do Habeas Corpus do ex-presidente Lula (PT) no Supremo Tribunal Federal (STF), será a eleição da nova mesa diretora da Câmara de SJB. Nela, Carla cobra compromisso dos seus sete vereadores para eleger Alex Firme (PP) à presidência. Na quinta (05), ela terá uma reunião com lideranças partidárias do Rio. E, na sexta, anuncia se continuará prefeita ou não.

 

Publicado hoje (03) na Folha da Manhã

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe uma resposta

Fechar Menu