Morre, aos 80, o comerciante Rufino Gomes de Barros

 

Rufino Gomes de Barros

Morreu ontem (21), aos 80 anos, o comerciante Rufino Gomes de Barros. Português de São João do Ver e radicado em Campos, foi fundador e proprietário da Refrigeração Portuguesa, que marcou época no comércio goitacá por 40 anos, na rua Barão de Amazonas, até fechar as portas há seis anos.

Rufino estava internado há cerca de 15 dias na Santa Casa de Misericórdia de São João da Barra, onde residia, por conta da Covid-19. Que, mesmo com as quatro doses de vacina, evoluiu para pneumonia e parada cardiorrespiratória. Seu corpo está sendo velado na capela do Cemitério do Caju, onde será sepultado às 14h de hoje. Ele deixa a esposa Arleta, os filhos Teresa e Marcelo, e os netos João Marcelo, Arthur e Liz.

Conheci Seu Rufino desde a adolescência, através da amizade com seus filhos Marcelo e Teresa. A eles e a toda a família, o mais sincero sentimento de pesar.

 

fb-share-icon0
20
Pin Share20

Deixe um comentário